adaptação com lentes multifocais

5 dicas para adaptação com lentes multifocais ou lentes progressivas

A adaptação com lentes multifocais ou lentes progressivas ainda é uma dúvida muito grande para quem precisa usar esse tipo de óculos.

Afinal, não são as lentes multifocais que tornam a adaptação difícil, mas sim o tipo de lente escolhida, quantos graus a pessoa tem e qual a necessidade do dia a dia.

É comum uma pessoa que não está acostumada a utilizar uma lente multifocal ver algumas distorções e  ter dificuldade em usar escadas (devido à transição do grau), ver o chão se mexer, ou ainda, ter dores de cabeça frequente.

Vamos te contar agora as principais dicas para melhor adaptação com seu óculos multifocal. Acompanhe!

Como funcionam as lentes multifocais

As lentes multifocais servem para corrigir problemas de presbiopia, popularmente conhecida como vista cansada.

Aliás, este é um problema muito comum, que muitas pessoas possuem e não percebem, ou demoram a descobrir. 

Geralmente as pessoas que tenham a partir de 35 ou 37 anos começam a precisar usar lentes multifocais. Clique aqui e entenda tudo sobre presbiopia ou vista cansada no nosso artigo.

Como o próprio nome diz, as lentes multifocais possuem múltiplos focos. Ou seja,  elas conseguem, em uma única lente, corrigir o problema causado pela presbiopia.

As lentes multifocais possuem três campos de visão:

  • Visão de Perto
  • Visão Intermediária
  • Visão de Longe

adaptação com lentes multifocaisA separação de campo de visão nas lentes acontece de forma gradual entre os graus, assim é possível enxergar nitidamente qualquer campo independente da distância.

Além disso, não afeta a estética dos óculos.

No início, é normal algumas pessoas sentirem dificuldade na adaptação de lentes multifocais.

Isso acontece devido à mudança gradual do grau para perto para o grau para longe em uma única lente.

Sentir dificuldade para se adaptar com as lentes multifocais é normal no começo.

Principalmente se é a primeira vez que você está usando esse tipo de lente ou se você usava muito tempo um tipo e uma marca e alterou para outra.

Veja as dicas que separamos para você se adaptar com as lentes multifocais.

Dicas para adaptação com lentes multifocais ou progressivas

Separamos dicas essenciais para ajudar você com a adaptação de lentes multifocais. Vamos lá?

1- Acostume seu cérebro

Pode ser difícil se acostumar com as lentes multifocais no primeiro momento. Mas acredite, o seu cérebro se acostuma aos poucos. 

Mas para isso, você deve ajudar o seu cérebro a se acostumar, treinando-o.

Funciona como se estivéssemos fazendo uma dieta: precisamos acostumar nosso corpo com novos hábitos saudáveis.

E com o uso do óculos com lentes multifocais é a mesma coisa. O nosso cérebro entende que mudamos, e precisa interpretar a nova forma que enxergamos.

Para isso, é necessário que você tente usar o óculos multifocal o dia todo, começando logo que acorda durante os primeiros 7 dias.

Ao longo desse período, é para você começar a sentir diminuição da intensidade de alguns sintomas típicos da adaptação com o óculos multifocal.

Os principais sintomas nesse processo são: tontura, enjoo, dores de cabeça e dificuldade para enxergar degrau de escadas, por exemplo.

Se após 7 dias de uso contínuo, você ainda não conseguir se adaptar com o óculos, leve o óculos para seu oftalmo conferir se está tudo certo com o seu grau e com as medidas do óculos.

Veja aqui quanto tempo leva para se acostumar com óculos novo!

2- Medida correta da DNP e DP

Essa medida é muito importante para a confecção de qualquer tipo de óculos, mas principalmente para quem utiliza lentes multifocais.

A DNP é a a  Distância Naso-Pupilar, ou seja, é a medida, em milímetros, entre a pupila e o centro do nariz. Já a DP é a medida, também em mílimetros, entre as duas pupilas.

adaptação com lentes multifocais
DP: distância pupilar e DNP: distância naso-pupilar

 

Para quem usa lentes multifocais, o cuidado em ter essa medida realizada com maior precisão é fundamental.

Dessa forma, o modo como a pessoa usa o óculos deve ser levado em conta.

Por exemplo: se a pessoa usa o óculos posicionado mais perto da ponta do nariz ou não, ela precisa posicionar o óculos exatamente onde ela mais o utiliza quando a medida da DNP for tirada.

Veja aqui como a Lenscope mede a DNP.

Quando a medida da DNP é tirada sem que isso seja levado em conta, tem-se um valor errado que impacta diretamente na adaptação com o óculos multifocal.

Dessa forma, a adaptação torna-se quase impossível e a óptica responsável pela montagem das lentes é obrigada a refazer o óculos.

3- Altura da armação

A escolha correta da armação é fundamental para que a adaptação com as lentes multifocais ou progressivas ocorra da maneira mais suave possível.

Isso porque, se altura do aro da armação for pequena (menor que 3 cm ou 30mm), a mudança de grau pode ser mais brusca, proporcionando extremo desconforto à visão.

Por esse motivo, armações muito pequena nem relação à altura não são compatíveis com lentes multifocais. 

Já a armação que possui a altura do aro maior que 3 cm (30 mm) ajuda na transição suave entre os campos de visão de perto, intermediário e longe.

Adaptação com lentes multifocais
Alturas maiores que 30mm (3cm) para lentes multifocais

 

Por isso, ao escolher uma armação para usar lentes multifocais, escolha sempre armações que possuem a medida da altura a partir de 3cm.

4-  Acostume com as áreas do campo de visão

É importante que, uma vez utilizando lentes multifocais, você esteja consciente da transição dos 3 campos de visão que suas lentes possuem: para longe, intermediário e para perto. 

Confuso? Vou te explicar:

Por exemplo, na parte superior da lente, você vai ver para longe, assim como para perto você vai enxergar entre o centro e a parte inferior das lentes. Veja uma imagem de exemplo abaixo

adaptação com lentes multifocais

5- Dê preferência para lentes multifocais personalizadas

As lentes multifocais personalizadas são o melhor tipo de lente multifocal ou progressiva que hoje existe, além de ser o tipo de lente multifocal mais fácil para se adaptar

Como o próprio nome sugere, as lentes progressivas personalizadas são produzidas de forma personalizada e individual para cada pessoa levando em conta seu estilo de vida e a quantidade de horas que cada atividade é realizada ao longo do dia.

Ou seja, se você passa mais tempo do seu dia fazendo atividades que necessitam mais da sua visão para perto, o campo de visão de perto é otimizado, sendo maior na sua lente progressiva.

Consequentemente você possui um conforto visual maior, além de conseguir enxergar melhor também.

E o mesmo acontece caso você passe a maior parte do dia realizando tarefas que exigem mais a visão para longe ou a visão intermediária.

Temos um exemplo abaixo que pode te ajudar a entender como funciona a personalização das lentes progressivas.

adaptação com lentes multifocais
Campo de visão longe, otimizado para lentes multifocais personalizadas

 

Entretanto, infelizmente, esse tipo de lente ainda posisu um preço bastante elevado no Brasil,sendo acessível para poucas pessoas. 

É por isso que nós da Lenscope oferecemos essa opção com um preço muito mais justo para que você também possa ter mais conforto ao usar uma lente fabricada sob medida pra você.

Veja aqui como são as lentes multifocais personalizadas da Lenscope.

Dificuldades de adaptação com as lentes multifocais

No início, algumas atividades do dia a dia podem causar estranheza com a utilização das lentes. Em alguns casos, quem utiliza óculos pode até sentir dor de cabeça ou tontura.

Por isso, algumas medidas devem ser tomadas.

O ideal, é que você evite olhar seus passos andando, ou ao subir e descer uma escada, por exemplo.

Outras atividades como dirigir parecerão mais difíceis até que o cérebro se adapte com as novas lentes.

Dessa forma, evite essas atividades na primeira semana de uso das lentes multifocais.

Como seus olhos estão em fase de adaptação, evite também ficar tirando e colocando o óculos. Isso pode dificultar ainda mais o período de adaptação com as lentes multifocais.

Agora que você já sabe como se adaptar ao seu óculos, que tal continuar aprendendo mais com a gente?

A saúde dos seus olhos é muito importante, e nós temos muito conteúdo no nosso blog – assuntos que ninguém te explica! 

Além disso, a qualquer momento, você pode deixar um comentário para gente! Conte suas dúvidas, deixe sugestões e fale se o artigo foi útil para você. Ficaremos felizes em te ajudar!

Adaptação com lentes multifocais

5 dicas para adaptação com lentes multifocais ou lentes progressivas
Média 5 de 1 votos



Comentários

  1. Boa noite
    Comecei a usar óculos multifocal há mais ou menos 60 dias, é a primeira vez que uso multifocal, há 9anos usava óculos só para perto que é minha maior dificuldade. Fiz o multifocal por comodidade pois o óculos para perto tinha que ficar pendurado no pescoço. O multifocal é 3,5 graus pra perto e meio grau para longe. Não consigo me acostumar com ele principalmente para longe e quando vou olhar para trás dirigindo por exemplo ou olhar para meus pés por exemplo encontro uma dificuldade danada.

    1. Oi, Edmo! Tudo bem?

      Você levou seu óculos no oftalmologista para ele conferir se está tudo certo com seu óculos e o grau nele?
      Como passou do período de adaptação comum com os óculos que são de 7 dias, o próximo passo é sempre procurar pelo oftalmologista.

      É comum recebermos esse tipo de dúvida por aqui. Pelo fato de você estar acostumado a trocar de óculos e agora tem a comodidade do óculos multifocal, talvez você enfrente essa dificuldade naturalmente, porque agora você não precisa mais tirar e colocar o óculos toda hora. Mas é muito importante voltar ao seu oftalmologista para ele fazer a conferência do grau, assim ele pode diagnosticar e prescrever as ideais recomendações para você. Peça para ele também conferir se está tudo certo com seu óculos e as recomendações para uma adaptação com multifocal.

      Qualquer dúvida, conte com a gente! 🙂

      1. oi comprei minha multifocal faz pouco também, e minha dificuldade é mais pra perto q longe, e de longe com ele enxergo muito bem mas pra erto não consigo muito fica disforme as letras eu tenho q ficar levantando a cabeça e por a vista p baixo e mesmo assim demora pra limpar p eu poder ler bem. tenho uma semana usando ja

        1. Oi, Shirley! Como vai?

          Você levou seu óculos no oftalmologista para ele conferir se está tudo certo com seu óculos e o grau nele? Como passou do período de adaptação comum com os óculos que são de 7 dias, o próximo passo é sempre procurar pelo oftalmologista.

          É comum recebermos esse tipo de dúvida por aqui. Pelo fato de você estar acostumado a trocar de óculos e agora tem a comodidade do óculos multifocal, talvez você enfrente essa dificuldade naturalmente, porque agora você não precisa mais tirar e colocar o óculos toda hora. Mas é muito importante voltar ao seu oftalmologista para ele fazer a conferência do grau, assim ele pode diagnosticar e prescrever as ideais recomendações para você.
          Peça para ele também conferir se está tudo certo com seu óculos e as recomendações para uma adaptação com multifocal.

          Sempre que precisar, estamos por aqui! 🙂

  2. Boa noite, me chamo Rose tenho 46 anos e a sete anos conecei usar oculos para perto hoje comecei com 1 grau e hoje uso 2 o olho esquerdo e 2,25 no direto trabalho o dia todo na frente do computador e a uns 30 dias comecei ter dores de cabeça com frequencia marquei um oftalmo e descobri que tenho tb um menos de 1 grau pra longe, procurei uma otica e me falaram sobre o multifocal mandei fazer ecesroy usando o oculos a 9 dias só que não consigo trabalhar na frente do computador com ele tenho que erguer a cabeça para conseguir ver o que esta na tela voltei na otica disseram que é pq eu tenho que me adaptar a impressao que tenho é de qqdo eu olho para a tela do computador é a de que estou sem oculos nao enxergo nada o que pode estar acontecendo já que a otica não da muita atenção no que está acontecendo.

    1. Olá, Rose! Tudo bem?

      Você levou seu óculos para seu oftalmo conferir o grau? O período de adaptação é de 7 dias com o óculos multifocal, após esse período nós sempre recomendamos que você volte ao seu oftalmo para que ele confira seu grau do óculos e se está de acordo receita.
      Outro fator muito comum para quem está se adaptando com multifocal e antes estava acostumado a tirar e por o óculos é sofrer com a transição de campo de visão. Por isso, sempre recomendamos que leve para o seu médico fazer a conferência e se está de acordo com as recomendações.
      Uma dica importante que damos é que o aro da armação para multifocal tenha até ou mais de 3mm (3cm) para que a transição aconteça de forma suave, sem que perca alguma parte do campo de visão.

      Qualquer dúvida, estamos por aqui 🙂

    1. Oi, Célia!

      Se for somente para visão de perto, o multifocal acaba não sendo uma opção, pois ele possui três campos de visão: perto, intermediário e longe.
      Para corrigir somente a visão de perto você pode fazer um óculos somente para isso 🙂
      Agora, se você tem dois óculos ou tira e coloca para focar em um objeto, a multifocal é ideal para você, pois une em uma única lente diferentes campos de visão para proporcionar o máximo de conforto para enxergar.

      Se ficar com mais alguma dúvida, pode nos procurar! 😀

  3. Boa tarde.Tenho 40 anos e esse é meu primeiro óculos.
    Ao tentar usar o óculos as imagem que estão longe estão menos nítidas do que quando estou sem óculos (leio melhor de longe sem ele do que com ele).
    Na distância intermediária acontece o mesmo, sem óculos tenho mais nitidez. Só de perto vejo bem. Isso faz parte da adaptação ou pode ser uma prescrição errada?

    1. Olá, Ana Cristina! Tudo bom?

      O período de adaptação com o óculos multifocal, normalmente leva até 10 dias. Então, alguns sintomas como esse que nos contou é muito comum sentir nessa fase.
      Nós recomendamos que você use o máximo de tempo possível o seu óculos para se acostumar com os campos de visão da sua lente, mas também com sua nova maneira de enxergar.

      Caso você não se adapte dentro desse período, o próximo passo é procurar seu oftalmo de confiança para que ele possa verificar se está tudo certo com o seu grau e com a confecção do seu óculos 🙂

  4. Olá. Troquei meus óculos os quais tinham lentes para longe 1.50 que eu usava o tempo todo para longe e perto (não sei se estou me expressando para direito) para um oculos com lentes multifocal. E apesar de o grau para perto ter aumentado considerávemente não tive problemas de adaptação visual. O problema é que desde então sinto o tempo todo dor no pescoço. Isto pode ser um problema de adaptação? Estou achando que o problema é que a armação tem uma inclinação que não sei se é normal. O oftalmologista pode avaliar isso?!

    Obrigada pela atenção.

    1. Oi, Márcia! Tudo bem?

      O período de adaptação leva normalmente 7 dias, se depois desse período seus desconfortos persistirem, é muito importante retornar ao oftalmologista e explicar as dificuldades que está enfrentando com o uso do seu óculos novo.
      Dessa forma, o médico pode verificar se está tudo certo com a confecção do seu óculos e com sua visão também 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lenscope

Nós utilizamos a tecnologia a nosso favor e oferecemos uma experiência inovadora para você comprar as lentes para seus óculos sem sair de casa! E o melhor de tudo? Podendo ter as melhores lentes do mercado sem gastar uma fortuna para isso.

Pin It on Pinterest