abril marrom

Abril marrom: No mês de prevenção a cegueira, aprenda a cuidar dos seus olhos.

0
(0)

O mês de abril está acabando, mas ainda precisamos falar sobre saúde ocular. Sabia que desde 2016 abril é considerado o mês de conscientização sobre o combate à cegueira, chamado de Abril Marrom?

Segundo dados do CBO (Conselho Brasileiro de Oftalmologia), mais de 1 milhão de brasileiros são cegos. Mas aproximadamente 80% desses casos poderiam ser evitados. Mas se a maioria das causas de cegueira são tratáveis, por que o número de cegos  no Brasil está aumentando?

No artigo de hoje vamos responder essa e outras perguntas sobre a importância do Abril Marrom. Continue a leitura para entender melhor.

No Abril Marrom, saiba quais doenças mais causam cegueira no Brasil

Infelizmente, a maioria dos brasileiros não tem o hábito de fazer consultas regulares ao oftalmologista para um check-up de rotina. Consequentemente, o diagnóstico de doenças oculares graves, mas tratáveis, como catarata e glaucoma, é tardio.

Segundo o Dr. João Eugenio Hilton Medeiros, médico da Clínica de Olhos, “boa parte da população (…) costuma procurar um especialista para tratar destas doenças quando já se encontra em estágio avançado ou de difícil regressão”.

Além do glaucoma e da catarata, outras doenças oculares também podem levar à cegueira quando descobertas em estágio avançado. Apesar de raras, doenças como Degeneração Macular Relacionada à Idade e Retinopatia Diabética também causam cegueira quando não tratadas.

Glaucoma

O glaucoma é a principal causa de perda irreversível da visão, justamente por ser uma doença silenciosa. Geralmente, quando os primeiros sintomas aparecem, já existe o risco de o paciente perder a visão de forma definitiva. 

De acordo com o Dr. Hilton Medeiros, “às vezes o paciente só percebe a perda de visão quando mais de 90% das fibras já estão comprometidas. É uma doença que evolui muito rapidamente e pode causar cegueira irreversível”.

Trata-se de uma doença causada pelo aumento da pressão intraocular no nervo óptico. Com isso, aos poucos começam a surgir “pontos cegos” na visão que só serão percebidos quando o nervo óptico estiver bem danificado. A cegueira ocorre quando o nervo é destruído totalmente.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), estima-se que 1 a 2% da população acima de 40 anos é portadora de algum tipo de glaucoma. Por isso, iniciativas de campanhas como o Abril Marrom são importantes para que a população se conscientize sobre a necessidade de consultar regularmente um oftalmologista. 

Catarata

Apesar de ser a maior causa de cegueira no mundo, a catarata é uma doença ocular tratável cirurgicamente e reversível, diferentemente do glaucoma.

A doença caracteriza-se pela perda de transparência do cristalino (lente localizada atrás da íris), e é classificada em dois tipos, secundária ou senil. A catarata secundária ocorre por inúmeros fatores, tanto oculares quanto problemas sistêmicos. Já a catarata senil é causada pelo envelhecimento natural do cristalino. 

De acordo com o Conselho Brasileiro de Oftalmologia, 85% das cataratas são classificadas como senis, com maior acometimento na população acima de 50 anos. No entanto, é possível tratar a catarata fazendo uma cirurgia de substituição do cristalino, que recupera a visão do paciente.

Retinopatia diabética

Mais de 15 milhões de brasileiros são diabéticos, segundo dados da Sociedade Brasileira de Diabetes. Quando não tratada, a diabetes pode danificar os vasos sanguíneos que bombeiam as células da retina, causando a retinopatia diabética e podendo evoluir para cegueira.

Assim como o glaucoma, a retinopatia diabética também não apresenta sintomas no início. No entanto, em estágio avançado, a doença provoca alterações visuais súbitas e indolores. Por isso, além de manter os níveis de glicemia controlados, quem tem diabetes precisa visitar regularmente o oftalmologista para fazer um mapeamento da retina 

Quando diagnosticada no início e com tratamento correto, é possível impedir a evolução da doença e evitar uma possível cegueira. O tratamento é feito através de remédios ou procedimentos cirúrgicos. 

Degeneração macular relacionada à idade

A Degeneração macular relacionada à idade (DMRI) é uma doença degenerativa da retina que provoca uma perda progressiva da visão central. 

Como o próprio nome sugere, a DMRI acomete pessoas acima de 50 anos e afeta principalmente o sistema circulatório da retina. Acaba vazando fluido ou sangue, causando fibrose na retina. O vazamento provoca imagens distorcidas ou borradas, podendo levar à perda total da visão.

Direito para portadores de visão monocular no Brasil

Recentemente foi sancionada no Brasil uma lei que reconhece como deficientes físicos quem perdeu a visão em um dos olhos. O objetivo da lei é corrigir injustiças. Por exemplo, com a aprovação da sanção, agora será possível que os monoculares possam ingressar com pedidos para o benefício BPC (Benefício de Prestação Continuada). O valor mensal para o auxílio é de um salário mínimo brasileiro.

Leia mais sobre a lei da visão monocular!

Ações de conscientização do Abril Marrom

Por conta das ações do Abril Marrom, várias marcas do setor óptico aproveitaram a oportunidade para alertar seu público sobre a importância de cuidar da saúde ocular. Entre elas está a renomada Zeiss, marca alemã referência em saúde da visão.

Diversas doenças oculares podem levar à cegueira quando não tratadas. Por isso, a melhor forma de prevenção é manter bons hábitos e principalmente consultar um médico oftalmologista regularmente. Mas, apenas fazendo exames e testes de visão será possível diagnosticar uma doença grave e impedir uma cegueira futura.

Por isso, pensando nisso, nós da Lenscope desenvolvemos um teste de acuidade visual online e gratuito! Contamos com a ajuda de especialistas associada a tecnologia exclusiva. Dá só uma olhada!

Faça agora seu teste de visão online e gratuito.

abril marrom - teste de visão

Gostou do conteúdo? Mas antes de continuar navegando, conte nos comentários como tem cuidado dos seus olhos.

Fontes:

Revista Reação

Record Tv Rio Preto

 

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lenscope

Somos uma Health Tech que faz uso do que há de mais moderno na tecnologia para transformar a jornada de compra de lentes para óculos no Brasil. Com nosso serviço 100% online, você faz as lentes do seu óculos de grau pela internet, sem precisar sair de casa.

E, para nos ajudar a continuar desenvolver tecnologias exclusivas no Brasil e no Mundo, fomos selecionados para o programa Creative Startups da Samsung, além de fazer parte do Eretz.bio, incubadora de startups do Hospital Israelita Albert Einstein, considerado um dos melhores hospitais da América Latina. Também fazemos parte da Supera, incubadora da Universidade de São Paulo (USP/FM-RP) e do Cubo Itaú, um dos principais ecossistemas de startups do Brasil.

Conte com a gente para ver e se sentir bem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *