literatura brasileira

1º de Maio: Dia da Literatura Brasileira – um papo com YouTubers

Você sabia que  1 de maio também é comemorado o Dia da Literatura Brasileira? A escolha desse dia é uma homenagem ao romancista brasileiro, José de Alencar, natural de Fortaleza, Ceará que, além de escritor, foi jornalista e advogado.

José de Alencar escreveu importantes obras consagradas em nossa literatura como: O Guarani (1857), Iracema (1865) e Senhora (1875).

Para tornar essa postagem mais do que especial, a Lenscope convidou as booktubers:

Lite

para contar quais livros nacionais inspiraram a vida e a carreira dessas meninas. Veja os livros que elas indicaram para nós neste dia!

Livros que marcaram a infância

Barbara Sá conta que o livro “O menino e seu amigo” de Ziraldo é um primeiros que vem em sua mente quando lembra de sua infância quando o assunto é literatura brasileira.

“Lembro com detalhes de quando minha mãe me deu de presente e quantas vezes eu reli a história. Indico a leitura para todas as crianças, é certeza que com base nele vamos ter muitos outros leitores.” – Barbara Sá, Segredo entre amigas

Literatura Brasileira
Livro de Ziraldo: “O menino e seu amigo”.

Além deste livro, “Pequena Luz na Escuridão” de Gilberto Martins também foi marcante na vida blogueira.

Veja só o que ela conta sobre sua experiência com essa leitura:

“Peguei emprestado na biblioteca da escola curiosa por ser uma história de aventura na vida de dois amigos que vêm de realidades diferentes, sendo um rico e outro pobre.

É um livro que já apresenta um pouco de consciência de classe para que as crianças possam entender que as diferenças sociais não podem interferir nas relações pessoais. Absurdamente fantástico!”

Para Aione, do canal Minha Vida Literária, quando falamos de infância e literatura é impossível não mencionar Maurício de Souza e a Turma da Mônica. Veja o que ela conta:

“Foram eles que, em grande parte, me introduziram nesse universo, já que minha mãe assinava os gibis e fazia a leitura deles para mim enquanto eu ainda não sabia ler”.

Literatura Brasileira
Maurício de Souza, criador da Turma da Mônica

Ela conta também que quando era maior, a Série Vaga-Lume (uma coleção voltada ao público infantojuvenil) e livros do Pedro Bandeira foram importantes para sua formação como leitora:

“Uma vez que descobri por entre as páginas desses livros (série vaga-lume e livros do Pedro Bandeira) aquela empolgação pela história e a imersão total que apenas boas leituras podem proporcionar.

Inclusive, se hoje em dia sou fã de livros de suspense (entre outros gêneros), credito o nascimento desse interesse a essas leituras” – Aione Simões, Minha vida literária

Pedro Bandeira também marcou a infância da Taty (Vá Ler um Livro). Inclusive, ela indica toda coleção do autor e o classifica como a nossa J.K. Rowling do Brasil:

Pedro Bandeira é a nossa J. K. Rowling, porque por mais que não exista magia nos livros dele, é um livro muito brasileiro, é um livro que mostra muito as nossas realidades, a eterna fantasia que ele coloca são coisas até meio plausíveis de acontecer no nosso Brasil. (…) Esse é o bom da literatura: que você consegue entrar em outros mundos, às vezes tão, tão, tão distintos.” – Taty, Vá ler um livro

Literatura Brasileira
Pedro Bandeira: criador da série de livros “Os Karas”.

Autores favoritos da literatura brasileira

Acho que o primeiro nome que sempre vem à minha mente é Machado de Assis. Dom Casmurro, conta Aione para Lenscope.

Para a YouTuber, este é um dos seus livros favoritos e relê sempre que possível.

“Se eu já admirava o autor pelo fascínio que Capitu e Bentinho despertaram em mim, tê-lo estudado na faculdade, no curso de Letras, só me fez achá-lo ainda mais genial por todo trabalho que realizou e pelo tanto que contribuiu para a formação da Literatura Brasileira como um todo” – Aione

Literatura Brasileira
Primeira edição do livro “Dom Casmurro”, de Machado de Assis. Edições atuais disponíveis na Amazon.

A história conta sobre Bentinho e Capitu que são criados juntos e se apaixonam na adolescência. Mas a mãe dele, por força de uma promessa, decide enviá-lo ao seminário para que se torne padre.

Lá o garoto conhece Escobar, de quem fica amigo íntimo. Algum tempo depois, tanto um como outro deixam a vida eclesiástica e se casam. (Livraria Cultura).

Além de Dom Casmurro (1899), Machado de Assis foi autor de outras obras importantes como Memórias póstumas de Brás Cubas (1881), O alienista (1882) e Quincas Borbas (1891).

Barbara e Taty tem como Jorge Amado o seu autor favorito da literatura brasileira, mas os livros são diferentes.

Taty têm como favorito Capitães da Areia que foi um livro não apenas que marcou sua vida, mas também por ser um livro real de histórias que a faz lembrar de ter ido às lágrimas enquanto lia.

“O Jorge Amado consegue fazer isso de uma maneira soberana, eu só ia saber disso um tempo depois, mas eu acho muito interessante, porque ele traz os meninos do Trapiche, ele traz as crianças que não tem casa e cada criança com uma personalidade tão diferente”. -Taty, Vá ler um livro

Além disso, ela traça um paralelo com sua história de vida:

“Eu saí de casa muito cedo, eu saí de casa com 15 anos e quando eu saí de casa, e eu fui primeiro morar com o meu pai, mas ele era viciado em drogas e aí acabou  que, enfim, eu morei um tempo na Praça da Sé (São Paulo) com ele.

E o mais curioso disso tudo – digamos assim – é que tinham muitas crianças na praça, tinham muitas crianças naquele ambiente que eu tava começando a entrar.

Então ver aquilo e linkar com Capitães da Areia e depois de um bom tempo eu reli Capitães da Areia já com essa outra visão, já não sendo mais uma criança, mas tendo acompanhado tantas crianças e tanta gente ali do lado com essas dificuldades.

Crianças que têm os seus  sonhos, crianças que têm as suas memórias, as suas questões, as suas representatividades”.

Literatura Brasileira
Livro “Capitães da Areia” de Jorge Amado. Disponível na Amazon.

Jorge Amado era natural de Bahia, assim como Barbara e para a YouTuber, como boa baiana, os livros dele marcaram sua vida.

Classifica a obra Tereza Batista Cansada de Guerra como sua obra favorita do autor e justifica:

“Abordar a força da mulher ao transformar Tereza Batista – uma garota que foi vendida pelos parentes, passou por muitas situações difíceis e conseguiu se reerguer, ajudando outras mulheres – em uma heroína que vive até os tempos de hoje”. – Barbara, Segredo entre amigas

Literatura Brasileira
Versão Tereza Batista Cansada de Guerra disponível na Amazon.

E nas literaturas atuais, admira o trabalho de Raiza, Varella, autora do livro “Caçadora de Estrelas” e completa:

“São duas leituras completamente diferentes, mas que despertam muitos sentimentos nos leitores.

Tereza Batista traz um assunto que, infelizmente, ainda é muito real no Brasil e a leitura dessa trama desenvolve na gente uma força para lutar por causas dignas e muito necessárias.

Caçadora, por outro lado, desperta a vontade de observar ao redor e dar valor as pessoas que estão com a gente. Viver o presente.”

Dia da literatura brasileira: a importância da nossa história

José de Alencar, Machado de Assis e Jorge Amado foram grandes nomes citados em conversa com as YouTubers, mas também não podemos deixar de fora outros nomes importantes como:

  • Euclides da Cunha, autor de Os sertões (1902)
  • Monteiro Lobato, criador do Sítio do Picapau Amarelo (1939)
  • Carlos Drummond de Andrade, autor de Sentimento do Mundo (1940)
  • Clarice Lispector de A hora da Estrela (1977)

Dentre tantos outros autores que marcaram a importância da literatura.

Por isso, de uma forma diferente, buscamos falar sobre a importância da leitura para nossa formação,  e como essas obras ainda continuam impactando vidas como as da Taty, da Aione e da Bárbara.

No dia da nossa literatura, queremos saber: qual é o seu livro nacional favorito? Deixe nos comentários, estamos ansiosos para saber!

1º de Maio: Dia da Literatura Brasileira – um papo com YouTubers
Média 5 de 1 votos



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lenscope

Nós utilizamos a tecnologia a nosso favor e oferecemos uma experiência inovadora para você comprar as lentes para seus óculos sem sair de casa! E o melhor de tudo? Podendo ter as melhores lentes do mercado sem gastar uma fortuna para isso.