Estrabismo

Estrabismo: o que causa, sintomas e tratamentos

O estrabismo, também conhecido como vesguice ou olho torto, é uma doença em que os olhos não são capazes de olhar para a mesma direção ao mesmo tempo.

Esse distúrbio pode se manifestar desde o nascimento, por fatores genéticos, como também se desenvolver devido a problemas de saúde física, como diabetes ou um AVC, por exemplo ou a partir de um problema de visão, como um grau elevado de hipermetropia.

O estrabismo pode se manifestar de duas formas:

  • estrabismo convergente
  • estrabismo divergente

Para entender melhor sobre esse problema, continue lendo este artigo que vamos explicar sua causa, sintomas, tratamentos e tudo que você precisa saber sobre esse assunto!

O que causa estrabismo?

Nossos olhos possuem seis pares de músculos comandados pelo nosso cérebro. Eles devem trabalhar para manter o alinhamento correto dos olhos. Isto é, mantê-los paralelos um ao outro.

Porém, alguns fatores interferem no controle desses músculos comprometendo seu funcionamento e provocando o estrabismo.

Segundo o Doutor Dráuzio Varella, os principais fatores que podem alguns dos principais fatores que podem prejudicar o bom funcionamento desses músculos são:

  • Dificuldade motora em controlar o movimento dos olhos;
  • Doenças neurológicas, como acidente vascular cerebral (AVC);
  • Questões genéticas, como Síndrome de Down;
  • Baixa visão dos olhos;
  • Grau elevado de hipermetropia, quando a pessoa é obrigada a aproximar-se, para compensar a dificuldade da visão.

Esse esforço excessivo de concentração para enxergar pode causar um distúrbio chamado de endotropia acomodativa, que prejudica o alinhamento dos dois olhos.

A endotropia acomodativa costuma se manifestar na pessoa aos dois anos de idade, mas pode surgir mais tarde, ainda na infância, e ser corrigido com o uso do óculos de grau.

Tipos de estrabismo

Segundo o Conselho Brasileiro de Estrabismo (CBE), existem diferentes tipos de desvio causado na visão. São eles:

  • Estrabismo convergente, ou esotropia: quando o olho é voltado para dentro. Ou seja, para o nariz.
  • Estrabismo divergente ou exotropia: quando o olho é voltado para fora, para as orelhas.
  • Estrabismo vertical ou hipertropia: quando o olho é voltado para cima (para a testa), ou para baixo (para o lado das bochechas).
  • Estrabismo alternante: o desvio pode variar entre um olho e outro (ora no direito, ora no esquerdo).
  • Estrabismo intermitente: quando há variação de alinhamento e desvio, ele não se manifesta constantemente. Esse tipo de estrabismo é mais comum nos desvios divergentes.
estrabismo
Diferentes tipos de desvios no olho – Fonte: All About Vision

Sintomas de estrabismo

O sintoma mais comum e mais evidente é o não alinhamento dos olhos. Ou seja, eles não ficam paralelos um ao outro.

O Doutor Dráuzio Varella afirma que os sintomas podem variar, de acordo com a idade em que o distúrbio começa a se manifestar. A principal queixa nesses casos é a visão duplicada, ou diplopia.

Outros sintomas comuns são dores de cabeça e torcicolo, que se dá pela inclinação de cabeça da pessoa estrábica com o intuito de enxergar melhor.

Estrabismo infantil

No caso das crianças, os principais sintomas são:

  • Podem apresentar um desvio em um dos olhos;
  • Têm diminuição da nitidez de um olho;
  • Inclinar ou virar a cabeça frequentemente, o que pode provocar torcicolo.

Em bebês de até seis meses o estrabismo é comum, pois os músculos responsáveis pelo alinhamento dos olhos ainda não estão 100% desenvolvidos. No entanto, na maioria dos casos, o estrabismo não desaparece naturalmente, e a criança precisa usar óculos infantil para reverter o quadro.

Caso o diagnóstico não seja precoce, com o início imediato de um tratamento adequado, a criança também corre o risco de desenvolver a ambliopia, também conhecida como “olho preguiçoso”.

Veja aqui dicas importantes para comprar óculos infantil para o seu filho!

Sintomas em crianças mais velhas e adultos 

Apesar de ser mais comum nos mais novos, antes dos cinco anos de idade, o estrabismo também pode se desenvolver em crianças mais velhas, até mesmo nos adultos.

Por exemplo, o estrabismo pode se manifestar após alguma doença que afeta o sistema neurológico, como o AVC ou algum tipo de paralisia cerebral.

O estrabismo também pode ser diagnosticado através de diversos exames oftalmológicos, como o teste do reflexo, de acuidade visual, entre outros. Mesmo nos adultos, o diagnóstico precoce é muito importante para evitar que o problema se agrave e haja necessidade de uma intervenção cirúrgica.

Caso perceba algum sintoma, procure um especialista que irá identificar o problema e te direcionar para o tratamento correto.

Confira aqui quando você precisa visitar o seu oftalmologista e tire suas dúvidas.

Estrabismo tem cura?

Quanto mais cedo for detectado, maiores as chances de cura do estrabismo. Mas, caso o distúrbio permaneça, existem tratamentos eficientes que podem ser utilizados para a correção do problema.

Continue acompanhando para saber quais são eles!

Tratamento para estrabismo

Nos adultos, os métodos mais utilizados são a busca por cirurgia de correção e uso de óculos para amenizar o problema. Também podem ser utilizados exercícios ortópticos para o fortalecimento do músculo e aplicação de colírios.

Já em bebês de até seis meses, o uso do tapa-olho é a opção mais procurada pelas mães. Isso porque o tapa-olho obriga a criança a usar apenas um olho – que está desalinhado -, ajudando a desenvolver os músculos deste olho.

Caso o estrabismo se manifeste em crianças mais velhas, além do tapa-olho, será necessário o uso de óculos de grau, pois a criança já não enxerga da forma adequada.

Tratamento para os adultos

Em alguns casos, apenas o uso de óculos de grau é o suficiente para corrigir o desvio. Mas, como dito há pouco, existem outras opções de tratamento que podem ajudar. Entre elas, estão:

  • Aplicação de colírios;
  • Uso de óculos de grau;
  • Exercício ótico de fortalecimento dos músculos dos olhos;
  • Tapa-olhos para para estimular o olho desviado a trabalhar os músculos responsáveis pelo alinhamento dos olhos.

Cirurgia para estrabismo

A cirurgia para esse fim só é recomendada quando o estrabismo persistir, mesmo após os outros tratamentos para correção. Nesses casos, o que determina se apenas um olho vai ser operado, ou os dois, é o nível do desvio.

Considerações Finais

Agora que sabe mais sobre o estrabismo, alguns últimos esclarecimentos são necessários!

Para o médico Dráuzio Varella, é errado acreditar que o problema vai desaparecer naturalmente com o crescimento da criança. Então, caso a criança apresente qualquer sintoma, o recomendado é procurar um oftalmologista o quanto antes. Assim, haverá uma avaliação e um diagnóstico adequado para o caso.

Considere que o estrabismo pode ser corrigido em qualquer idade, mas as chances são maiores quando o diagnóstico é feito precocemente. É importante ressaltar que a falta de um tratamento adequado e seguido à risca pode acarretar na perda total da visão do olho comprometido pelo estrabismo.

Em qualquer situação, fique atento à saúde de seus olhos! Faça visitas periódicas a um oftalmologista, mesmo que como prevenção, ou ao sentir qualquer dificuldade na sua visão.

O que achou desse artigo? Avalie nas estrelinhas e conte para a gente nos comentários se conhece alguém que tem estrabismo e precisou fazer algum procedimento. Estamos ansiosos para saber de vocês!

Fontes

Médico Dr. Drauzio Varella

Conselho Brasileiro de Estrabismo

Estrabismo

Estrabismo: o que causa, sintomas e tratamentos
Média 5 de 1 votos



Comentários

  1. Olá doutor tudo bem ? Doutor meu filho quando estava com quatro anos de idade acordou de manhã e foi brincar com o celular e depois de meia hora quando e peguei o celular e percebi que seu olho esquerdo estava torto na direção do nariz então eu o levei no médico e ele dise que era para retornar depois de seis meses e foi o que eu fiz , então meu filho já com cinco anos o levei ele em outro médico que receitou um óculos com grau fortíssimo na parte inferior e na parte superior sem grau algum e falou que ele tem que usar quatro meses consecutivos para co tes tratamiento certo , esqueci de falar que os olho ficou torto mas depois de uma hora voltou ao normal mas todas as vezes que ele pega no celular voltar a acontecer novamente outro problema é que ele começou a ousar os óculos mas quanto tira os olhos ficam torto , douro me ajude por favor me diga o que eu devo fazer . Obrigado e desculpa por uma mensagem tão grande .

    1. Olá, Akemi! Tudo bem?

      É muito importante fazer o acompanhamento médico do seu filho no oftalmologista, pois ele pode acompanhar o caso de perto trazendo diagnósticos, tratamentos e orientações necessárias para os cuidados dos olhos do seu filho.

      Qualquer dúvida, estamos aqui! 🙂

  2. Olá doutor!
    Meu filho começou a usar óculos aos dois anos de idade,desde que percebi que ao brincar com de bola ele sempre ia em direção contrária a ela ao chão.
    Daí fez exames e lá está ,com. 6°
    Hoje ele se encontra com 17anos e seu grau é 7,5
    Temos dúvidas sobre cirurgia.
    Se realmente é seguro?
    Se irá resolver seu problema?
    E existe algum lugar pelo SUS que possamos procurar para cirurgia?
    Somos do Río de janeiro.
    Desde já obrigada Doutor!

    1. Oi, Geovana! Tudo bem?

      Aqui é a Equipe da Lenscope 🙂 Existem muito casos efetivos de bons resultados sobre cirurgia de estrabismo! O mais importante é você procurar o profissional especializado para ele passar as devidas orientações para o seu filho.

      Há algumas alternativas para economizar em uma consulta, como por exemplo o Consulta do Bem que tem como proposta fornecer uma alternativa de baixo custo para aqueles que não tem muitas condições de agendar uma consulta urgente. Eles oferecem consultas médicas, exames, vacinas e até cirurgias a partir de uma assinatura mensal acessível e sem burocracias desnecessárias com preços mais em conta se comparados aos valores cobrados pelo atendimento particular.
      Outra alternativa também, são os programas oferecidos do próprio governo como o SUS, é importante descobrir quais são os procedimentos oferecidos pelo programa.

      Esperamos ter lhe ajudado, sempre que precisar, conte com a gente! 😊

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lenscope

Nós utilizamos a tecnologia a nosso favor e oferecemos uma experiência inovadora para você comprar as lentes para seus óculos sem sair de casa! E o melhor de tudo? Podendo ter as melhores lentes do mercado sem gastar uma fortuna para isso.

Pin It on Pinterest