hipermetropia tem cura

Hipermetropia tem cura: saiba como

A hipermetropia tem cura por meio da Cirurgia Refrativa Ocular a Laser, feita para eliminar todo grau que o olho possui.

Para quem não pode realizar a cirurgia, também é possível conviver com a hipermetropia usando óculos de grau ou lentes de contato.

A hipermetropia é um distúrbio ocular comum que causa dificuldade para enxergar de perto. Ela ocorre quando a córnea é mais plana ou o olho é um pouco menor que o normal. 

A alteração do tamanho do globo ocular muda o plano em que as imagens são formadas. 

Em um olho saudável, o foco das imagens ocorre na própria retina. Já no olho com hipermetropia, a imagem é formada em um plano posterior a ela. Esse desvio de foco causa embaçamento para enxergar de perto.

hipermetropia tem cura

O procedimento mais comum para corrigir a hipermetropia é feito a laser, conhecido como LASIK. Trata-se de uma cirurgia rápida e segura feita diretamente na córnea para aumentar a curvatura da mesma.

 

No entanto, não são todas as pessoas que podem fazer o procedimento, principalmente aqueles que possuem a córnea mais fina, pois o laser pode danificar o tecido da córnea.

A cirurgia refrativa LASIK é indicada para pacientes acima de 21 anos. Isso porque após essa idade é mais provável que o grau estabilize.

hipermetropia tem cura
Procedimento LASIK – Fonte: Clínica Tércio Rezende

Sintomas de hipermetropia 

Além da dificuldade para enxergar de perto, a hipermetropia pode apresentar outros sintomas, dentre eles os principais são:

  • Visão embaçada ao enxergar de longe
  • Dor de cabeça;
  • Dor na região dos olhos;
  • Ardor nos olhos;
  • Grande esforço para enxergar de perto;
  • Sensação de olhos pesados;
  • Visão borrada;
  • Lacrimejamento dos olhos.

Principais causas da hipermetropia

Geralmente, a origem da hipermetropia é hereditária, ou seja, o distúrbio está muito relacionado à genética familiar.

Existem dois tipos de hipermetropia, a hipermetropia axial e a hipermetropia refrativa.

A hipermetropia axial ocorre quando o globo ocular tem um espaço menor entre a pupila e a retina.

Já na hipermetropia refrativa o tamanho do globo ocular é normal, mas a córnea é mais plana do que deveria. Em ambos os casos, a imagem é formada fora da retina.

É possível ter miopia e hipermetropia juntos?

Não é possível ter miopia e hipermetropia juntos no mesmo olho, pois são problemas de visão opostos. A miopia causa dificuldade para enxergar de longe e a hipermetropia caracteriza-se pela dificuldade para enxergar de perto.

No entanto, é possível ter miopia em um olho e hipermetropia no outro. Quando isso ocorre, o diagnóstico é de antimetropia ou anisometropia.

Esse diagnóstico só pode ser feito por um oftalmologista através de exames oftalmológicos. Então, para saber se você possui anisometropia, agende uma consulta com seu médico.

Consideração final

A hipermetropia é um erro refrativo causado por alterações no globo ocular ou na córnea que provocam dificuldade para ver de perto. No entanto, a hipermetropia tem cura e pode ser estabilizada através de tratamentos específicos.

A Cirurgia Refrativa LASIK é a opção definitiva de tratamento para a hipermetropia. O procedimento é feito através de laser ou lentes intraoculares que aumentam a curvatura da córnea.

Também é possível corrigir a hipermetropia com uso de óculos de grau ou lentes de contato. Se você tem hipermetropia e quer saber qual o tratamento é indicado para o seu caso, marque exames oftalmológicos e converse com seu médico.

Então, se tiver dúvidas sobre o LASIK ou sobre hipermetropia, fique à vontade para perguntar em nossos comentários!

hipermetropia tem cura

Hipermetropia tem cura: saiba como
Média 5 de 1 votos



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lenscope

Nós utilizamos a tecnologia a nosso favor e oferecemos uma experiência inovadora para você comprar as lentes para seus óculos sem sair de casa! E o melhor de tudo? Podendo ter as melhores lentes do mercado sem gastar uma fortuna para isso.