milium no rosto

Milium no rosto: tudo sobre as causas, tratamentos e remoção no rosto e olhos.

4.1
(7)

O Milium no rosto é uma pequena lesão. Há casos de milium no olho, por exemplo, que é onde ele tende a se desenvolver. Contudo, há muitas pessoas que têm milium em outras áreas do rosto, fora da região ocular. 

Apesar de ser uma lesão pequena, ela pode gerar alguns sintomas. Então, caso você note algum milium, procure o tratamento adequado. Mas, se você não tem este tipo de lesão ou já teve e não quer que ela retorne, saiba que é possível prevenir.

Continue lendo para saber como prevenir o aparecimento de milium e descubra porque e quando deve procurar um médico!

O que é milium?

Milium é uma pequena protuberância branca que normalmente aparece na região do nariz e nas bochechas. Esses cistos são frequentemente encontrados em grupos e são causados pela queratina presa sob a superfície da pele. 

Ao contrário das espinhas, que contêm pus, o milium no rosto não é um sinal de poros entupidos.

Além disso, o milium pode ocorrer em pessoas de todas as idades. No entanto, são mais comuns em recém-nascidos. Mas, quando se desenvolve em adultos, é comum que apareçam especialmente nas bochechas ou sob os olhos.

O milium pode ser dividido em duas categorias:

Milium primário

São formadas diretamente da queratina aprisionada e geralmente são encontradas no rosto de bebês e adultos; 

Milium secundário

Também são cistos minúsculos e parecem semelhantes, mas se desenvolvem depois que algo obstrui os dutos que conduzem à superfície da pele, como após uma lesão, queimadura ou formação de bolhas na pele.

Embora o milium não seja motivo de preocupação, eles podem ter alguns sintomas. Continue lendo para descobrir quais são os sintomas de milium no rosto!

Sintomas de milium no rosto

Geralmente o milium não coça e nem dói. No entanto, pode causar desconforto. Lençóis ou roupas ásperas, por exemplo, podem fazer com que o milium pareça irritado e vermelho.

Apesar de os pequenos cistos serem normalmente encontrados no rosto, lábios, pálpebras e bochechas, eles também podem se desenvolver em outras partes do corpo. Por exemplo o torso ou a genitália.

Além de que eles são frequentemente confundidos com uma condição chamada pérolas de Epstein. Mas, esta condição envolve o aparecimento de cistos branco-amarelos inofensivos na gengiva e na boca de um recém-nascido. 

Pelo seu comum aparecimento em crianças e bebês, muitas vezes o milium é chamado de “acne infantil”.

Mas, afinal, o que pode causar o milium no rosto? Veja a seguir!

Causas para milium no rosto e olhos em adultos e crianças

As causas para milium no olho e no rosto em recém-nascidos diferem daquelas em crianças mais velhas e adultos.

Recém-nascidos

A causa do milium em recém-nascidos é desconhecida. Porém, muitas vezes é confundido com acne infantil, que é desencadeada pelos hormônios da mãe.

Mas, ao contrário da acne infantil, o milium não causa inflamação ou inchaço. Bebês com milium no rosto geralmente nascem com a doença. No entanto a acne infantil não aparece até duas a quatro semanas após o nascimento.

Milium no rosto de crianças mais velhas e adultos

Em crianças mais velhas e adultos, o milium está geralmente associado a algum tipo de dano à pele. Isso pode incluir, por exemplo:

  • Bolhas devido a uma condição da pele, como epidermólise bolhosa (EB), penfigóide cicatricial ou porfiria cutânea tardia (PCT);
  • Ferimentos com bolhas, como hera venenosa;
  • Queimaduras;
  • Danos solares de longo prazo;
  • Uso a longo prazo de cremes esteróides;
  • Procedimentos de resurfacing da pele, como dermoabrasão ou resurfacing a laser.

Além disso, o milium também pode se desenvolver se a pele perder sua capacidade natural de esfoliar. Isso pode acontecer como resultado do envelhecimento.

Continue lendo e conheça os tipos de milium!

Tipos de milium

Os tipos de milium são classificados com base na idade em que os cistos ocorrem ou o que está causando o seu desenvolvimento. Esses tipos também se enquadram nas categorias primárias ou secundárias que abordamos anteriormente.

Milium neonatal

O milium neonatal é considerado milium da categoria primária. Ele se desenvolve em recém-nascidos e desaparece em poucas semanas. Os cistos são geralmente vistos no rosto, couro cabeludo e parte superior do tronco. De acordo com o Hospital Infantil de Seattle, o milium ocorre em 40% dos bebês recém-nascidos.

Milium primário em crianças mais velhas e adultos

O milium em crianças mais velhas e adultos pode ser encontrado ao redor das pálpebras, na testa e na genitália. Este tipo de milium pode desaparecer em algumas semanas ou durar vários meses.

Milium juvenil

Doenças genéticas raras que afetam a pele podem causar milium juvenil. Entre estas doenças estão, por exemplo:

  • Síndrome do carcinoma basocelular nevóide (NBCCS): NBCCS pode levar ao carcinoma basocelular (CBC);
  • Pachyonychia congenita: Esta condição também pode causar unhas grossas ou de formato anormal;
  • Síndrome de Gardner: Esta doença genética rara pode levar ao câncer de cólon ao longo do tempo;
  • Síndrome de Bazex-Dupré-Christol: Esta síndrome afeta o crescimento do cabelo e a capacidade de suar.

Milium em placa

Essa condição é comumente associada a doenças cutâneas genéticas ou autoimunes, como lúpus discoide ou líquen plano. O milium em placa pode afetar as pálpebras, orelhas, bochechas e mandíbula.

Os cistos podem ter vários centímetros de diâmetro. É visto principalmente em mulheres de meia-idade, mas pode ocorrer em adultos ou crianças de qualquer idade ou sexo.

Milium eruptivo múltiplo

Este tipo de milium consiste em áreas com coceira que podem aparecer no rosto, braços e tronco. Os cistos geralmente aparecem ao longo de um período de tempo, variando de algumas semanas a alguns meses.

Milium traumático

Esse milium ocorre onde houve lesão de pele. Os exemplos incluem queimaduras e erupções cutâneas graves. Os cistos podem ficar irritados, tornando-se vermelhos nas bordas e brancos no centro.

Milium associada a medicação

Certos medicamentos tópicos, incluindo alguns cremes esteróides, também podem causar o aparecimento de milium. Embora existam diferentes tipos e causas, não há motivos para preocupação. Ele pode ser tratado e removido. 

Tratamentos e remoção de milium no rosto

Não é necessário fazer tratamento para milium infantil. Os cistos geralmente desaparecem em algumas semanas. Porém, você pode lavar delicadamente a região com água morna diariamente e secar com batidinhas. Para isso, use sabonete neutro feito especificamente para bebês, se desejar. Mas não esfregue a pele do bebê ou use qualquer tratamento de pele destinado a adultos.

Agora, em crianças mais velhas e adultos, o milium desaparece dentro de alguns meses. Contudo, se esses cistos causarem desconforto, existem tratamentos que podem ser eficazes para eliminá-los. Então, não tente estourá-lo como uma espinha. 

Milium são cistos duros sob a pele. Você pode danificar a pele ao tentar remover, e isso pode causar cicatrizes ou infecção. Porém, se você permitir que ele desapareça por conta própria ou usar um tratamento para eliminá-lo sem ferir a pele, o cisto não deixará cicatriz. Entre os tratamentos apropriados, estão:

Crioterapia

O nitrogênio líquido congela o milium. É o método de remoção usado com mais frequência;

Deroofing

Uma agulha estéril coleta o conteúdo do cisto;

Retinóides tópicos

Esses cremes contendo vitamina A ajudam a esfoliar a pele;

Cascas químicas

Os peelings químicos fazem com que a primeira camada da pele se desprenda, revelando uma nova pele;

Ablação a laser

Um pequeno laser focaliza as áreas afetadas para remover os cistos;

Diatermia

O calor extremo destrói os cistos;

Curetagem de destruição

Os cistos são raspados cirurgicamente e cauterizados; 

Veja adiante como é feita a remoção de milium no olho!

Remoção de milium no olho

Para remover o milium no olho você pode tentar alguns remédios caseiros como:

Limpeza e esfoliação da pele

O milium ocorre sob os olhos devido ao excesso de queratina. Esfoliar suavemente a área com uma toalha quente pode eliminar as células mortas da pele e ajudar a trazer a queratina presa para a superfície;

Vapor

Passar algum tempo no banheiro com a porta fechada e um chuveiro quente funcionando cria um tratamento a vapor caseiro para o seu rosto;

Água de rosas ou mel manuka

Borrife um pouco de água de rosas ou use uma máscara de mel manuka no rosto. Pesquisas encontraram propriedades anti inflamatórias em fontes confiáveis de rosas e no mel;

Evite cutucar

Pode parecer contra-intuitivo, mas deixar os inchaços de milium em paz os ajuda a cicatrizar mais rapidamente. Se você espremer as protuberâncias a ponto de ficarem irritadas, a probabilidade de infecção será grande;

Além desses tratamentos, você também pode comprar produtos sem prescrição médica para tratar o milium no olho. Mas, lembre-se de ler o rótulo e se certificar de que o produto é seguro para uso sob seus olhos. 

Como essa área é muito sensível, talvez você precise procurar produtos feitos e comercializados especificamente para a área.

Os alfa-hidroxiácidos tópicos, como o ácido glicólico e o ácido láctico, por exemplo, podem ser usados ​​para promover a saúde da pele. Você pode encontrar esses ingredientes em:

  • Adstringentes;
  • Toners faciais;
  • Máscaras;
  • Cascas de pele.

Mas você também pode prevenir o milium no olho. Saiba mais a seguir!

Como prevenir milium nos olhos

Se você continua tendo milium no olho, considere mudar sua rotina de cuidados com a pele. Para isso, separamos algumas dicas.

Limpe, esfolie e hidrate regularmente sua pele

Embora a esfoliação em excesso possa irritar a pele, um pouco de esfoliação suave sob os olhos encorajará novas células a virem à superfície e soltar a queratina presa. Se você tem tendência a ter milium, sabonetes e produtos de limpeza sem óleo são sua melhor escolha;

Use um soro

Considere a compra de um soro noturno que contenha vitamina E ou vitamina A tópica (retinal) e seja aprovado para uso sob os olhos. Conforme você envelhece, seu corpo naturalmente perde parte da capacidade de esfoliar a pele seca. Os soros podem reter a umidade e promover o crescimento celular enquanto você dorme.

Experimente suplementos orais

Certifique-se de que está recebendo vitaminas suficientes para dar à sua pele um brilho saudável. Se você está preocupado por não estar recebendo vitaminas suficientes através da dieta, existem alguns suplementos que podem ajudar:

  • Vitamina E;
  • Vitamina B-3 (niacina);
  • Vitaminas do complexo B.

Continue lendo e descubra quando procurar um médico!

Quando procurar um médico em casos de milium no rosto

A maioria dos inchaços de milium desaparece por conta própria após algumas semanas, principalmente em bebês. Porém, se o seu bebê tem surtos recorrentes, ou se o milium não desaparece, você precisa consultar um dermatologista.

Às vezes, o dermatologista usa uma agulha minúscula para remover manualmente o milium. Isso irá curar rapidamente a área afetada. No entanto, esse não é frequentemente o caso para adultos. Quando associado a outra condição ou lesão, deve ser tratado separadamente.

É importante que o milium seja diagnosticado corretamente. Pois, eles podem ser confundidos com outros tipos de doenças de pele, incluindo comedões, miliária e outros tipos de cistos. Nestes casos, quando o milium gera uma preocupação, é importante discutir o tratamento com um médico.

Porém, de forma geral, não há com o que se preocupar. Como vimos, o milium não gera riscos à saúde e pode ser tratado de forma simples. Mas, ter bons hábitos e cuidar da sua saúde pode prevenir não apenas o aparecimento de milium, mas outras condições. Principalmente no que diz respeito aos olhos, pois é uma região sensível e que merece atenção.

Faça visitas periódicas ao oftalmologista e realize testes de visão regularmente. Estas são as melhores maneiras de cuidar da saúde dos olhosPensando nisso, nós da Lenscope desenvolvemos um teste de visão totalmente online e gratuito que pode ser feito de onde você estiver. Então por que demorar mais para cuidar da saúde dos seus olhos? 

Faça o seu teste de acuidade visual e descubra como estão os seus olhos!

Agora que você já sabe tudo sobre milium no rosto e no olho! Mas, não vá ainda! Comente o que achou deste artigo.

Fontes:

Medicalnewstoday

Healthline

Skinsight

Healthgrades

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.1 / 5. Número de votos: 7

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lenscope

Somos uma Health Tech que faz uso do que há de mais moderno na tecnologia para transformar a jornada de compra de lentes para óculos no Brasil. Com nosso serviço 100% online, você faz as lentes do seu óculos de grau pela internet, sem precisar sair de casa.

E, para nos ajudar a continuar desenvolver tecnologias exclusivas no Brasil e no Mundo, fomos selecionados para o programa Creative Startups da Samsung, além de fazer parte do Eretz.bio, incubadora de startups do Hospital Israelita Albert Einstein, considerado um dos melhores hospitais da América Latina. Também fazemos parte da Supera, incubadora da Universidade de São Paulo (USP/FM-RP) e do Cubo Itaú, um dos principais ecossistemas de startups do Brasil.

Conte com a gente para ver e se sentir bem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *