Olhos vermelhos covid

Olhos vermelhos pode ser COVID-19?

Este post foi atualizado em 15 junho, 2020

Assim como a tosse seca e a febre alta, os olhos vermelhos também podem ser um dos sintomas do COVID-19. 

Quem alertou sobre a relação entre o vermelho dos olhos e o novo coronavírus foi a enfermeira norte-americana Chelsey Earnest.

Em reportagem para a CNN, a profissional da saúde relatou em detalhes como o COVID-19 se manifestou em seus pacientes.

Mas os estudos sobre saúde dos olhos e o novo coronavírus já ocorrem há algum tempo.

Já sabemos, por exemplo, que levar a mão aos olhos é uma forma de contaminação. Também já estamos cientes da importância de higienizar os óculos para se prevenir da nova doença.

Além disso, foi constatado recentemente que a conjuntivite pode ser um dos sintomas raros do novo coronavírus (Sars-CoV-2).

Apesar de existir desde a década de 1960, o coronavírus ressurgiu agora com outra variação mais grave, chamada 2019-nCoV. A doença é perigosa porque pode causar complicações severas, como insuficiência respiratória e pneumonia.  

Conjuntivite pode ser coronavírus?

A conjuntivite é uma doença ocular que ocorre quando há uma inflamação na membrana conjuntiva. Os sintomas são bem característicos de uma inflamação, como coceiras e vermelhidão, além de causar dificuldade para enxergar.

Estudos recentes da Academia Americana de Oftalmologia (AA0) mostraram que a conjuntivite pode ser um sintoma do novo coronavírus.

No entanto, a contaminação nesses casos só ocorre se houver contato direto com a lágrima do infectado.

Como a conjuntivite é bastante comum no Brasil, não necessariamente quem tem conjuntivite está contaminado com o novo coronavírus.

Por isso, além dos olhos vermelhos, também é necessário ficar atento ao aparecimento de outros sintomas do COVID-19. 

Ou seja, só é preciso se preocupar se a conjuntivite vier acompanhada de tosse seca, falta de ar e febre alta. 

Vale lembrar também que a conjuntivite é um sintoma raro do COVID-19.

Em uma pesquisa feita pela A.A.O., dos 30 pacientes com COVID-19, apenas um apresentou conjuntivite. Em outra pesquisa, apenas 9 de 1.099 pacientes apresentavam “congestão conjuntival”. 

Segundo Pedro Carricondo, Diretor do Conselho Brasileiro de Oftalmologia, a conjuntivite pode fazer parte de um quadro mais grave do COVID-19, portanto é preciso estar atento aos sintomas.

O que fazer se estiver com conjuntivite?

Se seus olhos estão vermelhos, coçando e com secreção, é muito provável que você esteja com conjuntivite.

Mas não se preocupe porque é bem fácil tratar a inflamação. 

Se você estiver com conjuntivite, o mais importante é limpar constantemente as pálpebras com água ou soro fisiológico. 

Também é preciso tomar muito cuidado com os olhos e evitar coçá-los, principalmente se suas mãos não estiverem lavadas.

O uso de colírios hidratantes e compressas também é bastante recomendado pelos médicos. No entanto, geralmente a conjuntivite costuma desaparecer sozinha após uma semana. 

Assim como a conjuntivite, o coronavírus é altamente contagioso e é preciso se prevenir para evitar a contaminação.

A transmissão do vírus ocorre principalmente pelo contato com superfícies contaminadas, como maçanetas, celulares e objetos no geral. 

Portanto, para se prevenir, lembre-se de lavar a mão várias vezes ao dia e evite coçar os olhos desnecessariamente.

Em tempos de coronavírus, também é recomendado optar pelo uso de óculos de grau ao invés de lentes de contato. Isso irá diminuir o risco de contaminação pela mucosa dos olhos.

E se seus olhos estiverem vermelhos por conta da conjuntivite, siga as recomendações de higienização.

Se além dos olhos vermelhos você também estiver com sintomas do COVID-19, procure ajuda médica o quanto antes!

Neste momento crítico, todo cuidado é pouco!

Veja todas as medidas da Lenscope frente ao COVID-19.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lenscope

Somos uma Health Tech que faz uso do que há de mais moderno na tecnologia para transformar a jornada de compra de lentes para óculos no Brasil. Com nosso serviço 100% online, você faz as lentes do seu óculos de grau pela internet, sem precisar sair de casa.E, para nos ajudar a continuar desenvolver tecnologias exclusivas no Brasil e no Mundo, fomos selecionados para o programa Creative Startups da Samsung, além de fazer parte do Eretz.bio, incubadora de startups do Hospital Israelita Albert Einstein, considerado um dos melhores hospitais da América Latina. Também fazemos parte da Supera, incubadora da Universidade de São Paulo (USP/FM-RP) e do Cubo Itaú, um dos principais ecossistemas de startups do Brasil.Conte com a gente para ver e se sentir bem.

Pin It on Pinterest