Melhor lente multifocal

Qual a melhor lente multifocal: Zeiss ou Varilux? Hoya ou Lenscope? Veja a comparação entre as principais lentes multifocais

Você está pesquisando por lentes progressivas (multifocais), viu as Lentes Lenscope Progress em nosso site e quer saber como são nossas lentes comparadas com as lentes multifocais da Zeiss, Varilux ou Hoya? Então esse conteúdo foi feito para te ajudar 🙂 .

Criamos um guia completo de comparação das Lentes Lenscope Progress com as principais lentes do mercado das marcas Varilux, Hoyalux e Zeiss.

Nós vamos te ajudar a entender esse assunto de uma maneira bem descomplicada 🙂 Então, vamos lá?

Quando devo usar lentes multifocais? 

As lentes progressivas (multifocais) são indicadas para quem tem presbiopia. 

A presbiopia faz parte de um processo natural que surge em nossa visão quando vamos envelhecendo. Geralmente, ela costuma surgir a partir dos 40 anos de idade.

Isso acontece porque com o passar do tempo, o cristalino dos olhos perde sua elasticidade natural que permite alterar o foco dos objetos distantes para os objetos próximos. 

Da esquerda para a direita, comparação uma visão normal, sem presbiopia vs. Visão com presbiopia.

Por esse motivo, é muito comum que quem possui presbiopia afaste ou aproxime objetos para encontrar o melhor foco para enxergar. Aliás, esse sintoma é conhecido por “síndrome do braço curto”.

Como saber se você tem presbiopia e precisa de óculos multifocal? 

Uma das formas de saber se você tem presbiopia é observar a sua receita de óculos e a forma como ela vem preenchida. Mas, não se preocupe. É bem simples de identificar 🙂 .

Geralmente, na receita de óculos, nós encontramos 2 campos chamados “para longe” e “para perto”.

Quando o campo “para longe está preenchido, significa que você pode ter miopia, hipermetropia ou astigmatismo. Veja como saber qual problema de visão você possui de acordo com a sua receita

Já quando o campo “para perto” está preenchido, significa que você tem presbiopia e, portanto, precisa de óculos multifocal. Veja um exemplo abaixo:

 

Em destaque, exemplo de receita com campo “para perto” preenchido.

Algumas receitas de óculos também podem conter o termo “adição”, “ADD” ou “AD” ao invés do campo “para perto” preenchido. E esses termos também significam que você tem presbiopia. 

Então veja mais esses exemplos que trouxemos para você entender melhor 🙂 : 

Em destaque, exemplo de receita preenchida com o termo “Add”, indicando que o paciente possui presbiopia e precisa de óculos multifocal.

Como são as lentes progressivas (multifocais)?

As lentes progressivas, ou lentes multifocais, recebem esse nome porque – em uma única lente – é possível proporcionar uma visão nítida para múltiplas distâncias focais. Sendo elas: para longe, intermediária e para perto, mudando de grau progressivamente.

Esse é um exemplo de como é uma lente progressiva. Ah, e não se preocupe: não há marcações nítidas nas lentes para os campos de visão, ilustramos desta forma para que você possa entender – de forma geral – onde se encontrariam cada um dos campos de visão em suas lentes progressivas:

Imagem ilustrativa mostrando os três campos de visão que existem nas lentes progressivas.

 

Além disso, existem outros tipo de lentes que corrigem a presbiopia como as lentes bifocais, que contam somente com dois campos de visão: para perto e para longe. E as lentes ocupacionais, com campos de visão para distância intermediária e longe.

Agora vamos explicar quais são as vantagens e desvantagens das lentes multifocais.

Vantagens e desvantagens das lentes progressivas

A principal vantagem das lentes progressivas (multifocais) é que elas permitem que você enxergue diferentes distâncias focais usando o mesmo óculos. Dessa forma, você não precisa ficar tirando e colocando outro óculos para ver de perto ou de longe. 

Mas as lentes progressivas também possuem algumas desvantagens. A principal delas são as distorções nas laterais das lentes, comuns em lentes progressivas (multifocais). Para entender o porquê elas acontecem, pense a respeito da seguinte situação: 

Quando tiramos uma foto, podemos escolher diferentes formatos na hora de salvá-la como um arquivo, como os formatos jpeg, png e raw. A principal diferença entre esses formatos está no tamanho do arquivo da foto que eles geram. Quanto mais leve você quer que o arquivo fique, mais é necessário comprimir as informações da foto e, portanto, com menos qualidade as imagens são salvas. 

Então se nesse caso, você não se importar com o tamanho do arquivo gerado, pode escolher o formato que não comprime e mantém a imagem em alta resolução. Assim, preservando todas as informações como acontece com o formato raw. 

Essa compressão das informações das imagens que acontece quando precisamos salvá-la em uma tamanho mais leve e é uma ótima analogia para entendermos as distorções que acontecem nas lentes progressivas. 

Como as lentes progressivas permitem enxergar em diferentes distâncias, tendo uma progressão de grau em cada ponto de sua superfície, é como se a gente tivesse colocado várias lentes de visão simples, em diferentes graus, em uma única lente. Ou seja, uma em cima da outra.

É por esse motivo que as distorções nas laterais são uma das características principais desse tipo de lentes, Veja um exemplo da área de distorção comum em todas as lentes progressivas (multifocais): 

Exemplo ilustrativo referente às áreas de distorções de uma lente multifocal.

 

Um dos principais fatores que fazem uma lente progressiva ser considerada boa por quem a utiliza é justamente o tamanho das áreas de distorções nas lentes.

Lentes mais econômicas podem apresentar áreas de distorções maiores e lentes consideradas mais premium são produzidas com uma série de processos que otimizam as áreas de distorções, com o objetivo de reduzi-las, uma vez que não é possível eliminá-las 100%.

Então, veja a seguir os principais fatores que faz uma lente multifocal ser considerada boa. 

O que faz uma lente multifocal ser boa?

Antes de trazer a comparação de nossas lentes com as demais lentes do mercado, queremos mostrar quais são os fatores que devem ser levados em conta na hora de escolher a melhor opção para o seu grau. Afinal, imagine que se você precisa comprar um tênis, antes precisa saber qual finalidade ele será usado. Ou seja, para correr, caminhar, pro dia a dia,e etc. E o mesmo vale para as lentes multifocais 🙂 .

Dessa forma, podemos dizer que os principais fatores que fazem uma lente multifocal ser boa são: 

  • A largura dos campos de visão das lentes progressivas;
  • O comprimento do corredor progressivo das lentes progressivas;

Então, confira a seguir!

A largura dos campos de visão das lentes progressivas

De maneira geral, muitas das lentes progressivas mais vendidas (e populares) no mercado possuem a largura dos três campos de visão bastante reduzida.

Isso acaba oferecendo um campo de visão mais restrito para você.

Quanto menor são esses campos de visão nas lentes progressivas, menos você consegue enxergar bem com o seu óculos.

Quanto menor é a largura do campo de visão, maiores serão as distorções nas laterais das lentes. E, consequentemente, menor é o campo de visão intermediário ou o corredor progressivo das lentes multifocais.

Essas distorções podem ser um obstáculo no momento de realizar atividades que exigem a visão periférica, como por exemplo, dirigir ou subir e descer as escadas.

O comprimento do corredor progressivo das lentes progressivas

Já o corredor progressivo é a área no centro da lente a partir de onde o grau para longe vai progredir para o seu grau de perto. Essa variação de grau nós chamamos de adição.

Veja abaixo uma imagem indicando o corredor progressivo em seu óculos 🙂 :

Imagem ilustrativa indicando onde é corredor progressivo da lente.

 

Nas lentes mais vendidas no mercado, o mais comum é que a progressão do grau de adição seja dada de 0,25 graus em 0,25 graus. É comum ouvirmos de quem utiliza esse tipo de lente que as imagens estão saltando. Isso acontece porque a adição de um grau para outro ocorre com uma diferença de grau muito grande, de 0,25 em 0,25 graus. 

Já nas lentes de qualidade superior, em especial produzidas de forma digital, com tecnologia FreeForm – que ao longo deste artigo abordamos em maiores detalhes – , a progressão do grau de adição é dado de 0,12 graus em 0,12 graus.

Quanto menor for essa diferença na adição progressiva, mais suave será a transição do grau para longe para o grau de perto. E mais fácil e rápida será a adaptação com o óculos multifocal e, consequentemente, mais conforto você terá usando essas lentes.

Largura do corredor progressivo

Outro fator importante relacionado às lentes progressivas é a largura do corredor progressivo. 

E o que influencia na largura do corredor progressivo é o seu grau de adição. Quanto maior for o grau de adição, maior é a distorção lateral em suas lentes e, consequentemente, menor é a largura do corredor progressivo..

Veja abaixo um exemplo de como o grau de adição influencia no corredor progressivo das lente:

Imagem ilustrativa mostrando como o grau de adição influencia na largura corredor progressivo das lentes progressivas.

O que faz todos esses aspectos que determinam a qualidade das lentes progressivas serem otimizados é a tecnologia que chamamos de free form

A lente multifocal da Lenscope é free forma e vamos explicar o que isso quer dizer a seguir.

Lentes multifocais convencionais e lentes multifocais digitais (free form) 

Basicamente existem dois tipos de lentes multifocais no mercado: as lentes multifocais convencionais e as lentes multifocais digitais ou free form.

Para fins didáticos, adotamos o uso das terminologias “digital” e “free form” de forma intercambiável. No entanto, é importante mencionar que lentes digitais não significam lentes free form. Vamos te explicar melhor esses dois conceitos em nosso próximo artigo. 

As lentes multifocais convencionais possuem o desenho do campo de visão padronizado, ou seja, prontos de fábrica. Dependendo do seu grau para longe e do grau de adição, elas podem oferecer um corredor progressivo mais estreito. E isso pode dificultar sua adaptação com as lentes progressivas (multifocais). 

Veja abaixo como pode ser o campo de visão de uma lente progressiva convencional. 

Campo de visão de lente multifocal convencional.

Além disso, nas lentes multifocais convencionais, a progressão entre os graus está na face externa da lente, em uma distância média de 17mm do olho. Ao colocarmos a correção mais distante dos olhos, o resultado é a restrição campo de visão. Olha só esse exemplo que trouxemos:

Faixa azul em destaque é a progressão do grau na face externa da lente e explicar o 17mm.

Agora vamos explicar como funcionam as lentes multifocais free form 🙂

As lentes multifocais free form, em referência a terminologia em inglês, são lentes fabricadas a partir da lapidação livre de um bloco de lente. Dessa forma, os campos de visão podem ser otimizados de acordo com a sua necessidade, não sendo padronizados, como acontece com as lentes convencionais.

O processo de otimização dos campos de visão levando em conta o seu estilo de vida, possibilitado pela tecnologia free form é chamado de personalização.

Há vários níveis de personalização de lentes progressivas disponíveis no mercado. Quanto maior é o nível de personalização dessas lentes, maior é o preço em que elas são oferecidas para o consumidor final.

As lentes progressivas da Lenscope possuem um nível intermediário de personalização e são oferecidas por um dos preços mais acessíveis do mercado. Acreditamos que todos devem ter acesso a tratamentos e tecnologias avançadas para enxergar com clareza em todas as fases da sua visão. 

Na personalização intermediária das lentes progressivas, você responde um questionários informando quantas horas por dia você passa realizando algumas atividades como dirigir, ler, mexer no computador, e etc. É a partir das suas respostas que as lentes progressivas são produzidas utilizando a tecnologia free form. 

Dessa forma, quem passa grande parte do dia exercendo atividades que necessitam da visão de perto, o campo para perto é otimizado, proporcionando uma visão para perto mais nítida, além de um conforto visual melhor. O mesmo acontece para quem faz o uso maior do campo de visão de longe ou campo de visão intermediária. Nesse caso, são esses os campos otimizados para você ter mais conforto na hora de realizar as atividades do seu dia a dia.

Exemplo de campo multifocal personalizado para longe.

Em relação à progressão, nas lentes multifocais free form, ela acontece na face externa e interna da lente, em uma distância de 12mm. Isso possibilita melhor ampliação no campo de visão e conforto visual. Para entender esse efeito, imagine olhar através da fechadura de uma porta. A medida que nos aproximamos da fechadura, vamos enxergando melhor e de forma mais ampla, certo? Aqui acontece o mesmo. A redução da distância de 17mm para 12mm nos proporciona uma visão 30% mais ampla com as lentes progressivas (multifocais).

Então eja abaixo um exemplo de como isso acontece:

Faixas azuis em destaque refere-se a progressão do grau na face interna e externa da lente de 12mm.

Dessa forma, podemos dizer que nas lentes progressivas (multifocais) free form é possível otimizar os dois fatores mencionados que fazem uma lente multifocal ser considerada eficiente: a largura dos campos de visão e o comprimento do corredor progressivo das lentes progressivas.

Uma lente free form proporciona também uma visão mais nítida e progressão mais suaves entre os graus, por isso é comum serem chamadas de lentes HD (High Definition) ou lentes de alta definição.

Isso acontece porque as lentes free form são produzidas de forma computadorizada, permitindo que as lentes sejam desenhadas de forma livre e que a progressão do grau seja mais suave quando comparadas com as lentes convencionais. Por serem desenhadas de forma livre, os campos de visão são mais amplos e mais nítidos. 

Veja abaixo as principais vantagens das lentes free form:

  • Visão mais nítida em todas as distâncias;
  • Campos intermediário e para perto mais amplos;
  • Redução dos efeitos de brilho e halo causados por fontes de luz à noite, como faróis de automóveis;
  • Adaptação mais fácil e rápida;
  • Lentes mais finas e planas quando são asféricas.

Como saber se a lente multifocal é personalizada?

Você deve estar perguntando: “E como saber se estou comprando lentes progressivas personalizadas?”. Afinal, nem sempre é fácil entender a nomenclatura, marcas, e categorias ofertadas no mercado, né?

Mas é simples identificar se sua lente multifocal é personalizada 🙂 É só observar as perguntas que o vendedor fazer para você durante o processo de compra. Perguntas relacionadas aos seus hábitos do dia-a-dia indica a personalização de suas lentes. Veja abaixo as perguntas mais comuns nesse processo: 

  • Quanto tempo por dia você passa lendo e escrevendo?
  • Quanto tempo por dia você passa em frente ao computador?
  • Com que frequência você dirige?
  • Quanto tempo por dia você passa ao ar livre?

Apenas cuidado para não confundir essas perguntas com as medidas dos seus olhos que o vendedor tira na hora de fazer seu óculos, que são as medidas da o DNP, DP e altura de montagem. A aferição dessas medidas por si só não garantem que a sua lente progressiva será personalizada de acordo com o seu estilo de vida. São apenas as perguntas citamos acima que vão indicar se sua lente será ou não personalizada.

Além de serem free form, as as Lentes Lenscope Progress são personalizadas 💙 . 

Veja abaixo como são as Lentes Lenscope Progress quando comparadas com as demais lentes progressivas do mercado. 

Principais marcas de lentes multifocais do mercado:

Vamos falar agora das outras principais lentes progressivas disponíveis no mercado? Destacamos as marcas: 

A Essilor, Zeiss e Hoya são as principais fabricantes das lentes multifocais mais conhecidas do mercado. Cada uma delas possui diversas linhas de lentes progressivas, variando entre modelos convencionais e modelos digitais (free form).

Para fins didáticos, adotamos o uso das terminologias “digital” e “free form” de forma intercambiável. No entanto, é importante mencionar que lentes digitais não significam lentes free form. Vamos te explicar melhor esses dois conceitos em nosso próximo artigo. 

 

Por exemplo, a fabricante Essilor é detentora da linha multifocal Varilux e da marca de antirreflexo Crizal, que possui várias linhas de lentes progressivas. Veja abaixo as mais conhecidas:

  • Varilux Liberty – lentes progressivas convencionais ou digitais;
  • Varilux Comfort – lentes progressivas convencionais e digitais;
  • Varilux Physio – lentes progressivas digitais;
  • Varilux X Séries – lentes progressivas digitais.

Já quando falamos na fabricante Hoya, sua linha de lentes progressivas (multifocais) a principal é a Hoyalux. Veja abaixo os modelos de lentes mais conhecidas da Hoya: 

  • Hoyalux Summit Bks – lentes progressivas convencionais; 
  • Hoyalux Wide Pro Bks – lentes progressivas convencionais;
  • Hoyalux LifeStyle – lentes progressivas digitais; 
  • Hoyalux ID MyStyle – lentes progressivas digitais. 

A fabricante Zeiss nomeia sua linha de lentes progressivas de Zeiss Progressive. Confira alguns modelos mais conhecidos:

  • ZEISS Progressive GT2 – lentes progressivas convencionais;
  • ZEISS Progressive Classic – lentes progressivas convencionais;
  • ZEISS Progressive Precision SuperB – lentes progressivas personalizadas; 
  • ZEISS Progressive Individual 2 – lentes progressivas personalizadas. 

Além da tecnologia de produção, outro dos principais fatores que podem influenciar no preço de lente multifocais é o antirreflexo e se elas contam com a personalização ou não. Ou seja, uma lente convencional no mercado com um antirreflexo comum, geralmente é uma lente mais em conta do que uma lente personalizada, em especial se acompanhada um antirreflexo considerado premium.

Sabemos que as lentes multifocais possuem um alto custo no mercado tradicional, por isso na Lenscope decidimos tornar a opção de lente personalizada mais acessível para quem precisa de óculos multifocal.

Veja como é o campo de visão das Lentes Lenscope Progress quando comparamos com as lentes convencionais de outras marcas: 

Da esquerda para a direita, imagem ilustrativa de comparação entre Lentes Lenscope Progress vs. Lentes multifocais convencionais (e sem personalização).

 

Observe que a lente multifocal convencional, à direita, tem o campo de visão mais estreito, com mais distorções, em relação às lentes multifocais personalizadas da Lenscope, à esquerda.

Uma das principais dúvidas de quem usa óculos multifocal é saber como é o campo de visão e o corredor progressivo das lentes do mercado. Por isso, escolhemos uma linha de cada marca para compararmos com as nossas Lentes Lenscope Progress. Com isso, esperamos que você possa fazer uma escolha mais consciente para a sua necessidade, além de não sentir dificuldade no período de adaptação com o óculos multifocal

Dessa forma, escolhemos os modelos mais conhecidos das principais linhas da Essilor, com a linha Varilux; Hoya, com a linha Hoyalux e Zeiss, com a linha Zeiss Progressive. Veja abaixo quais foram as lentes escolhidas: 

  • Varilux Comfort 360 Crizal Forte – Lente free form;
  • Zeiss Progressive GT2 Duravision Chrome – Lente convencional; 
  • Hoyalux ID Lifestyle No Risk – Lente free form 

Lente Lenscope Progress vs Lente Varilux Comfort 360º 

As lentes Varilux foram as primeiras lentes multifocais introduzidas no universo óptico e pertencem a marca da Essilor, detentora também das marcas Crizal e Transitions.

A lente Varilux Comfort 360º é uma lente progressiva (multifocal) da Essilor, que pode ser convencional ou digital. 

Veja abaixo como é o desenho do campo de visão da Lente Varilux Comfort 360º comparado com as Lentes Lenscope Progress:

Da esquerda para a direita, comparação de campo de visão das Lentes Lenscope Progress vs Lentes Varilux Comfort 360º.

 

Podemos dizer que os campos de visão das Lentes Lenscope Progress podem ser personalizados de acordo com o estilo de vida de cada usuário.

Além das Lentes Lenscope Progress contarem com a tecnologia free form e personalização individual, elas também acompanham o tratamento Quartz que inclui: antirreflexo, antirrisco, proteção UV, proteção oleofóbica (gordura) e proteção hidrofóbica (água), facilitando a limpeza das lentes.

Já as lentes Varilux 360º contam com o tratamento Crizal e você e pode escolher a melhor versão que deseja sendo elas: Crizal Prevencia, Crizal Sapphire, Crizal Forte ou Crizal Easy

Confira a seguir os preços que elas podem ser encontradas em óticas físicas. 

Os preços se encontram listados, de acordo com os valores que constam na tabela de preços da marca em 2019:

  •  Varilux Comfort 360 Crizal Forte – a partir de 1.709,00;
  • Lente Lenscope Progress – a partir de R$ 737,00.

Lente Lenscope Progress vs Lente Zeiss Progressive GT2 

Em 1983, a marca alemã, Zeiss, fez o lançamento da sua primeira lente progressiva, chamada Gradal ® HS. E em 2000, lançou a Gradal® Individual como as primeiras lentes multifocais individuais personalizadas. 

Atualmente a Zeiss disponibiliza uma série de linhas de lentes progressivas. 

Escolhemos comparar o campo progressivo da nossa Lente Lenscope Progress vs com Lente Zeiss Progressive GT2. Veja só:

Da esquerda para a direita, comparação de campo de visão das Lentes Lenscope Progress vs Lente Zeiss Progressive GT2.

 

A lente Zeiss Progressive GT2 é uma lente convencional da marca alemã e possui os campos de visão para longe, intermediário e para perto mais estreitos, quando comparada às Lentes Lenscope Progress que são free form, contando com seus campos de visão otimizados. 

A lente Zeiss Progressive GT2 acompanha o tratamento Duravision. O cliente também pode escolher a melhor versão que deseja para sua multifocal, sendo eles: Duravision Platinum, Duravision Blue Protect, Duravision Silver e Duravision Chrome.

 Já as Lentes Lenscope Progress, contam com a proteção Quartz, que inclui: antirrisco, antirreflexo, proteção UV, proteção oleofóbica (gordura) e proteção hidrofóbica (água), sendo também repelentes a água, sujeira e gordura.

Os preços foram consultados com base nas tabelas de preços da marca em 2019:

  • Zeiss Progressive GT2 Duravision Chrome – a partir de 1.039,00;
  • Lente Lenscope Progress – a partir de R$ 737,00;

Lente Lenscope Progress vs Hoyalux ID Lifestyle

Veja agora a comparação dos corredores da lente multifocal da Lente Lenscope Progress vs Hoyalux ID Lifestyle:

Da esquerda para a direita, comparação de campo de visão das Lentes Lenscope Progress vs Lente Hoyalux ID Lifestyle.

 

A linha ID Lifestyle da Hoya já é considerada uma lente free form da marca japonesa, contando com um campo de visão muito bom e amplo. Dessa forma, podendo ser comparada de maneira semelhante à Lente Lenscope Progress, quando comparada as lentes produzidas no mesmo grau e montadas em armações idênticas.

Em relação aos tratamentos antirreflexo oferecido pela Hoya, as versões disponíveis são: Blue Control, LONGLife, No-Risk e Clean Extra. Você escolhe a melhor opção para você. 

A Lente Lenscope Progress e a Hoyalux ID Lifestyle apresentam as mesmas proteções quando o assunto é o tratamento que as acompanham. Ambas as lentes possuem antirreflexo: antirrisco, antirreflexo, proteção oleofóbica (gordura), proteção hidrofóbica (água) e proteção UV.

Entretanto, como as lentes Hoyalux ID Lifestyle pertencem a uma linha premium da marca Hoya, seu custo costuma ser bem elevado nos mercados tradicionais. Confira os preços que foram consultados com base nas tabelas de preços da marca em 2019:

  • Hoyalux ID Lifestyle NO-Risk: a partir de R$ 2.466,00;
  • Lente Lenscope Progress – a partir de R$ 737,00.

Armação de óculos para lentes multifocais

Saber escolher a armação correta para ser usada com as lentes progressivas (multifocais) também é importante e queremos dividir com você algumas dicas úteis. 

As lentes multifocais possuem três campos de visão: longe, intermediário e perto. Então, é importante que o tamanho da armação permita uma transição suave entre um grau e outro, por isso é importante saber o tamanho da altura do aro da sua armação

Recomendamos que para lentes multifocais, você escolha armações com alturas de aros iguais ou maiores que 30mm (3cm).

Quando a altura da armação é menor que 30mm (3cm), a transição entre um grau e outro pode ser mais brusca, causando desconfortos em sua visão. 

Você pode descobrir o tamanho da sua armação com o auxílio de uma régua simples. Veja um exemplo a seguir:

Como fazer as lentes progressivas com a Lenscope?

Fazer as lentes progressivas (multifocais) da Lenscope é muito simples. Você só precisa da sua receita de óculos. É bem fácil, veja abaixo:

Você acessa o site da Lenscope (www.lenscope.com.br) e clica em “orçamento online” na página inicial. 

Em seguida, é só preencher nosso formulário de acordo com o modelo da receita do seu óculos.

Essa é a página que aparece para você depois de preencher nosso formulário:

Orçamento das Lentes Lenscope Progress.

 

Pronto, agora é só comprar as lentes

Você será direcionado ao nosso questionário de personalização de lentes de acordo com as suas atividades do dia-a-dia. 

Então, confira algumas perguntas que levamos em conta no momento de personalizar as lentes progressivas para as suas necessidades: 

  • Quanto tempo por dia você passa lendo e escrevendo;
  • Quanto tempo por dia você passa em frente ao computador;
  • Com que frequência você dirige;
  • Quanto tempo por dia você passa ao ar livre;

Dessa forma, o campo de visão da sua lente é desenhado de forma personalizada, de acordo com as suas respostas.

Por exemplo: se você passa mais tempo do seu dia lendo do que dirigindo, o campo de visão para perto é priorizado na sua lente multifocal da Lenscope. Isso significa que você tem um campo de visão para perto otimizado, mas sem deixar de ter qualidade nas outras distâncias intermediária e longe.

E como a Lenscope tira as medidas óculos multifocal?

Para buscar melhor precisão na hora de fazer as lentes do seu óculos, nós utilizamos um software que faz as medidas da sua DNP (distância das pupilas em relação ao nariz) a partir de uma foto sua utilizando um cartão com tarja magnética. 

Esse é um exemplo de como deve ser a foto enviada para nós: 

Exemplo de como enviar a foto de DNP para a Lenscope.

 

Esse software mede a distância das pupilas em relação ao nariz (DNP), a altura de montagem e o primeiro reflexo de purkinje garantindo uma centralização muito mais precisa das lentes em sua armação.

E além da DNP e da DP, o software também mede a distância do centro da pupila até o aro inferior da armação, medida essa muito importante na montagem das nossas lentes progressivas (multifocais).

Qual é o tempo de adaptação com as Lentes Lenscope Progress?

O tempo de adaptação com as lentes progressivas (multifocais) pode levar de 7 a 15 dias, podendo se estender, caso seja a primeira vez que você está usando um óculos multifocal. Isso porque é necessário se acostumar com a transição de grau que acontece nessa lente.

Ao longo desse período, alguns sintomas são comuns, como:

  • Tontura;
  • Enjoo;
  • Dores de cabeça;
  • Dificuldade para enxergar degraus de escadas, por exemplo.

O mais recomendado é levar seu óculos pronto ao profissional que prescreveu sua receita oftalmológica. Assim, ele pode verificar se está tudo certo com a confecção das lentes e com o seu grau.

 E se eu não me adaptar com as Lentes Lenscope Progress?

Se você não se acostumar ou não gostar das suas lentes feitas na Lenscope, nós devolvemos o seu dinheiro através do nosso programa 100 dias para provar e amar.

Alás, para participar é bem simples. Você precisa:

  1. Enviar uma foto da sua receita de óculos prescrita há menos de três meses anteriores à data da compra com a Lenscope; 
  2. Na foto da receita de óculos, deve constar a data da prescrição, assinatura e identificação do registro profissional responsável pela receita;
  3. A receita de óculos não pode estar adulterada ou rasurada;
  4. A armação enviada deve seguir os critérios recomendados pela Lenscope. São eles: formato da armação, material e tamanho do aro para a montagem das lentes. 

Saúde dos olhos é uma questão muito importante para nós. Por isso, tornamos mais acessíveis as melhores opções de lentes para óculos do mercado. 

A Lente Lenscope Progress está disponível em nosso site a partir de R$ 737 com todos os tratamentos já inclusos. Aliás, sem que você precise pagar taxas adicionais para levá-los 🙂 . 

Veja abaixo os tratamentos das Lentes Lenscope Progress:

  •  Antirrisco;
  • Antirreflexo;
  • Proteção 100% UV;
  • Proteção Hidrofóbica (água);
  • Proteção Oleofóbica (gordura);

Tratamento Quartz incluso nas Lentes Lenscope Progress.

Dessa forma, com esses tratamentos, você tem mais durabilidade da sua lente, além de mais facilidade para limpá-las.

E além da versão incolor (transparente), também oferecemos as Lentes Lenscope Progress Transitions® que clareiam e escurecem de acordo com a intensidade do sol. Também oferecemos as Lentes Lenscope Progress Shades que são as versões escuras da nossa lente personalizada.

Aqui na Lenscope somos movidos pelo enorme desejo de fazer a diferença, por isso buscamos as melhores soluções para que você continue enxergando bem, sem precisar gastar uma fortuna 🙂 .

Então, ficou com alguma dúvida? Fale com a gente! 

Até a próxima! 🙂

Qual a melhor lente multifocal: Zeiss ou Varilux? Hoya ou Lenscope? Veja a comparação entre as principais lentes multifocais
Média 5 de 2 votos



Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lenscope

Nós utilizamos a tecnologia a nosso favor e oferecemos uma experiência inovadora para você comprar as lentes para seus óculos sem sair de casa! E o melhor de tudo? Podendo ter as melhores lentes do mercado sem gastar uma fortuna para isso.

Pin It on Pinterest