vitamina b3 em alimentos

Vitamina b3 em alimentos: estudos apontam que a ingestão do nutriente pode combater o glaucoma

5
(2)

Já pensou poder prevenir o glaucoma ingerindo a vitamina B3 em alimentos? Já sabemos de algumas vitaminas benéficas para os olhos como é o caso da Vitamina A.

E agora, segundo um estudo recente do Karolinska Institutet e do St. Erik Eye Hospital, o nutriente é um possível tratamento para o glaucoma.

Segundo o estudo publicado na Redox Biology, os pesquisadores fizeram um teste e adicionaram a vitamina à água de ratos que haviam sido alterados geneticamente para apresentar glaucoma.

Então comparados a ratos não-modificados geneticamente, o primeiro grupo mostrou inibição de alteração molecular para o desenvolvimento de glaucoma e, ainda, evitou o surgimento da doença.

Com isso o estudo, publicado na Redox Biology, pode ser um futuro tratamento neuroprotetor no glaucoma em humanos. Por isso um ensaio clínico começará no outono.

O glaucoma afeta 80 milhões de pacientes no mundo todo e aproximadamente 100.000-200.000 mil pessoas na Suécia.

Quando se tem glaucoma, o nervo óptico, que liga o olho ao cérebro, é aos poucos danificado, isso geralmente ocorre pela pressão elevada dentro do olho.

As únicas opções de tratamento hoje disponíveis visam a pressão no olho usando colírios ou cirurgia. 

Entretanto, apesar da disponibilidade desses tratamentos, o risco de cegueira em pelo menos um dos olhos ainda é alto.

O principal grupo de risco, são pessoas mais de 50 anos porque há um risco hereditário maior.

Estudos apontam: ingestão de vitamina b3 e alimentos ricos são arma contra o glaucoma

Segundo um estudo publicado na Clinical and Experimental Ophthalmology, a vitamina B3 (nicotinamida) presente em alguns alimentos pode prevenir danos às células nervosas que levam à cegueira no glaucoma.

O estudo foi feito por pesquisadores do Center for Eye Research Australia em parceria com cientistas do Karolinska Institutet e do St. Erik Eye Hospital.

O glaucoma, principal causa de cegueira irreversível, afeta cerca de 80 milhões de pessoas em todo o mundo. Afinal, a doença leva à perda da visão quando as células do nervo óptico e da retina se deterioram.

Os colírios redutores de pressão nos olhos causados pelo glaucoma e tratamentos cirúrgicos podem, no melhor dos cenários, reduzir o risco de mais lesões oculares e/ou retardar a evolução do glaucoma.

No entanto, atualmente não é possível proteger as células de danos adicionais ou regenerar um nervo óptico já danificado pelo glaucoma e recuperar a visão.

Mas, pesquisas pré-clínicas anteriores mostraram que um derivado da vitamina B3 chamada nicotinamida pode prevenir a degeneração do nervo óptico em modelos animais.

No entanto, esta é a primeira vez que resultados semelhantes foram observados em humanos. A nicotinamida melhorou a função visual de pacientes com glaucoma.

Como a vitamina B3 funciona

A vitamina B3 ou Niacina solúvel em água, é também chamada de nicotinamida ou ácido nicotínico, é essencial para todas as células vivas.

Seus derivados protegem contra espécies reativas de oxigênio (substâncias que causam danos e morte às células), além disso seu derivado é o dinucleotídeo de adenina nicotinamida (NAD +), uma molécula potente no metabolismo energético e redox (elétrons que passam de uma molécula a outra).

À medida que envelhecemos, o nível de adenina nicotinamida nos olhos diminui, tornando as células mais vulneráveis ​​ao surgimento de doenças.

No caso do glaucoma, a redução no NAD + e na glutationa antioxidante presente nos olhos torna as células ganglionares mais vulneráveis ​​aos danos da pressão intraocular.

Desta forma, o aumento dos níveis de adenina nicotinamida presente na vitamina B3 em alimentos seria uma protetora das células ganglionares.

Por que de fato, o suplemento por via oral de vitamina B3 protegeu significativamente as funções visuais dos camundongos do estudo, diminuindo os danos no nervo óptico e reduziu a perda do corpo das células ganglionares.

A vitamina ingerida pelos ratos de laboratório também preveniu o afinamento da camada de fibras nervosas da retina.

Portanto, em suma, a vitamina B3 foi potente em “diminuir a perturbação metabólica e a prevenção do glaucoma”, porque “evitou a maioria das alterações genéticas relacionadas à idade, nas células ganglionares”.

A ingestão de alimentos ricos em vitamina B3 melhora a visão de pacientes com glaucoma

Os resultados do estudo atual mostram melhora significativa na função visual de pacientes com glaucoma que receberam uma alta dose diária de 3 gramas de nicotinamida por 12 semanas.

O tratamento regular para reduzir a pressão ocular continuou junto às doses de nicotinamida. 

Por isso, este estudo mostra claramente um efeito benéfico e protetor em pacientes com glaucoma existentes.

57 pacientes com glaucoma em Melbourne, Austrália receberam placebo e nicotinamida alternadamente ao longo do estudo.

Aliás, os olhos foram avaliados por meio da eletrorretinografia, um teste diagnóstico que mede a atividade elétrica nas células da retina, e o teste de campo visual para determinar as alterações ocorridas.

O estudo mostra também que o teste de função visual pode ser usado como experiência e uma ferramenta de diagnóstico para detectar a evolução do glaucoma.

Afinal, ele poderia, portanto, ser usado para encurtar significativamente o tempo do ensaio clínico de glaucoma e trazer novos tratamentos aos pacientes mais cedo.

Mas estudos mais longos são necessários para ver se essas mudanças na função visual se correlacionam com mudanças estruturais na retina e no nervo óptico do paciente com glaucoma, segundo um dos pesquisadores.

É uma opção viável de tratamento

A nicotinamida (uma forma da vitamina B3) é bem aceita pelos pacientes, por isso possibilita ainda mais o uso em clínicas de tratamento.

Aliás os pesquisadores concluíram que a nicotinamida pode ser um tratamento viável para o glaucoma e é vantajosa por ser barata, bem tolerada, e facilmente encontrada.

Mas, embora os resultados sejam positivos, estudos mais longos em centros de pesquisas são necessários para acompanhar melhor as mudanças iniciais e as de longo prazo nos pacientes com glaucoma.

O estudo foi liderado pelo Centre for Eye Research Australia, Universidade de Melbourne, Duke NUS-Medical School, Singapore Eye Research Institute, Karolinska Institutet / St. Erik Eye Hospital, University of Adelaide e Cambridge University.

Leia para conhecer os benefícios do mirtilo para os olhos.  

Vitamina B3, alimentos ricos no nutriente

A niacina, também conhecida como vitamina B3, é um micronutriente que nosso corpo usa para o metabolismo, ajuda na função do sistema nervoso e tem proteção antioxidante.

Como a niacina é solúvel em água, qualquer excesso é excretado pela urina em vez de armazenado no corpo. Assim é importante consumir regularmente alimentos ricos em niacina.

A dieta recomendada para este nutriente é de 16 mg por dia para homens e 14 mg por dia para mulheres o suficiente para atender às necessidades de aproximadamente 98% dos adultos.

Aqui estão 16 alimentos ricos em niacina.

Os alimentos ricos em fonte de vitamina B3 são, por exemplo:

  • Carnes
  • Aves
  • Peixes
  • Fígado
  • Leite
  • Cereais
  • Leguminosas
  • Oleaginosas
  • Arroz branco
  • Amendoim
  • Atum grelhado
  • Feijão
  • Peito de frango (assado)
  • Leite
  • Lentilha

Viu como muitos alimentos ricos em vitamina B3 podem te ajudar no combate ao glaucoma? 

Afinal, um tratamento médico adequado e uma dieta rica nesse nutriente podem reduzir os riscos ou retardar a evolução da doença.

Mas saiba que a ciência está a nosso favor sempre buscando a melhora para certas doenças como é o caso do glaucoma, por isso nunca faça tratamentos sem orientação médica.

Inclua esses alimentos na sua dieta com a orientação de um médico nutricionista, porque essa é a melhor forma de cuidar da sua saúde com segurança.

Aliás falando em saúde, que tal fazer um de nossos testes de visão? Ele é totalmente online, gratuito, e desenvolvido por especialistas na saúde dos olhos!

vitamina b3 em alimentos - teste de visão

Gostou do conteúdo? Então aproveite e deixe um comentário abaixo.

Fontes:

Miragenews

Glaucoma

Sankterik

Vencer o cancer

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lenscope

Somos uma Health Tech que faz uso do que há de mais moderno na tecnologia para transformar a jornada de compra de lentes para óculos no Brasil. Com nosso serviço 100% online, você faz as lentes do seu óculos de grau pela internet, sem precisar sair de casa.

E, para nos ajudar a continuar desenvolver tecnologias exclusivas no Brasil e no Mundo, fomos selecionados para o programa Creative Startups da Samsung, além de fazer parte do Eretz.bio, incubadora de startups do Hospital Israelita Albert Einstein, considerado um dos melhores hospitais da América Latina. Também fazemos parte da Supera, incubadora da Universidade de São Paulo (USP/FM-RP) e do Cubo Itaú, um dos principais ecossistemas de startups do Brasil.

Conte com a gente para ver e se sentir bem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *