ceratocone

Ceratocone: o que é e como tratar

Ceratocone é uma doença não inflamatória que reduz a espessura da córnea até que ela fique no formato de cone.

A córnea é uma camada que cobre e protege o globo ocular. Ela funciona como uma lente sobre a íris e projeta a luz sobre a retina através da pupila. Por ser muito fina e sensível, qualquer alteração na estrutura da córnea pode comprometer a visão. 

No caso do ceratocone, a deformação da córnea diminui a nitidez na projeção de imagens na retina e pode desenvolver graus elevados de astigmatismo irregular e miopia.

Segundo um artigo do Site Drauzio Varella, ceratocone é uma doença genética rara que costuma se manifestar entre 10 e 25 anos. Ela pode progredir até a quarta década de vida ou estabilizar-se com o tempo.

Praticamente 150 mil pessoas são diagnosticadas com Ceratocone por ano no Brasil. A doença se manifesta nos olhos de forma assimétrica, ou seja, pode afetar mais um olho que o outro.

Por causar deformação da córnea, o Ceratocone é uma doença que avança rapidamente e pode causar perda progressiva da visão. No entanto, quando diagnosticada no início, o tratamento pode alcançar bons resultados e a doença pode estabilizar.

ceratocone

Portanto, ao sentir os sintomas da doença, é importante procurar um oftalmologista o quanto antes.

Sintomas para Ceratocone

Os sintomas mais comuns da Ceratocone são:

  • Sensibilidade à luz (fotofobia);
  • Visão borrada e distorcida de perto e de longe;
  • Comprometimento da visão noturna;
  • Coceira nos olhos;
  • Dor de cabeça;
  • Visão dupla (diplopia);
  • Perda progressiva da visão;
  • Formação de múltiplas imagens de um mesmo objeto (poliopia).

No entanto, por ser uma doença hereditária, existem casos de pessoas que apresentam um quadro de Ceratocone sem sintomas.

Portanto, para confirmar o diagnóstico, é importante consultar um oftalmologista. Ele irá analisar o histórico clínico do paciente e avaliar os defeitos de refração através de exames específicos. 

Exames e diagnóstico de ceratocone

O principal exame para diagnosticar o Ceratocone é feito na lâmpada de fenda, um aparelho que permite analisar o olho em detalhes, desde a camada externa da córnea até o nervo ótico. 

Além da lâmpada de fenda, outros exames complementares para identificar o ceratocone também são feitos, entre eles:

  • Topografia computadorizada da córnea
  • Paquimetria corneana
  • Tomografia computadorizada

Além de diagnosticar a doença, esses exames também são utilizados para avaliar a progressão do ceratocone, o grau de comprometimento da área afetada e definir o tratamento ideal.

No início, o ceratocone pode se apresentar como um astigmatismo irregular.

Por ser uma doença que evolui rapidamente, é importante fazer o diagnóstico precoce para controlar a evolução do Ceratocone e evitar a perda de visão.  

Apesar de ser uma doença hereditária, a causa exata do Ceratocone ainda é desconhecida.

Existem diversos fatores que contribuem para o desenvolvimento da doença, como a diminuição dos antioxidantes que protegem a nossa córnea. Isso porque com o nível de antioxidantes baixo, o colágeno enfraquece e a córnea fica para fora.

Outro fator que pode comprometer a estrutura da córnea é esfregar os olhos com frequência.

Por isso, pacientes alérgicos que sentem muita coceira nos olhos correm um risco maior de desenvolver ceratocone. 

Da mesma forma, portadores de síndrome de Down e pessoas com catarata também estão mais propensos a desenvolverem a doença.

Tratamento para ceratocone

Os principais tratamentos do Ceratocone são:

  • Uso de lentes de grau
  • Lentes de contato
  • Cirurgia crosslinking
  • Transplante de córnea
  • Implante de anel na córnea (anel de ferrara)

Cada tratamento é indicado de acordo com o estágio da doença:

Óculos de grau e lente de contato para ceratocone

Esse tratamento é recomendado quando o diagnóstico é feito logo no início da doença. Geralmente a pessoa é diagnosticada com astigmatismo irregular e a deformação da córnea ainda não é muito grave. Nesse caso o uso de óculos de grau já é suficiente para melhorar a nitidez na visão.

No entanto, quando o ceratocone evolui, é necessário substituir o óculos por lentes de contato.  Além de corrigir pontualmente a visão, as lentes de contato também atuam como um campo de pressão sobre a deformidade causada na córnea.

Cirurgia Crosslinking para ceratocone

É um procedimento feito para fortalecer as moléculas do colágeno da córnea e evitar que ela continue progredindo em formato de cone.

Nessa cirurgia, a superfície da córnea é raspada e aplica-se um colírio à base de Vitamina B2.  Em seguida, um feixe de luz ultravioleta é exposto aos olhos para fortalecer a córnea e impedir que seu formato continue a ser modificado.

Transplante de córnea

Essa cirurgia é indicada somente para casos mais graves da doença. Também conhecida por “ceratoplastia”, o procedimento só é realizado quando o paciente já não responde bem às outras formas de tratamento.

A cirurgia consiste na substituição da córnea comprometida por outra saudável, através de doações feita ao Banco de Olhos.

Implante de anel de córnea ou anel de ferrara

Neste procedimento, coloca-se um pequeno anel no olho que ajuda a regular a curvatura da córnea. É um tratamento rápido que dura no máximo 30 minutos e é feito com anestesia local.

Através do implante de anel de ferrara é possível impedir o agravamento da doença.

Por se tratar de uma doença de caráter hereditário, infelizmente não é possível prevenir o Ceratocone. Entretanto, com acompanhamento médico e análise do histórico familiar do paciente, a doença pode ser diagnosticada logo no início.

E uma vez realizado o diagnóstico precoce, é possível conviver tranquilamente com o ceratocone. Inclusive, existem algumas recomendações simples que melhoram os sintomas da doença. 

Evitar coçar os olhos e usar colírios lubrificantes, por exemplo, são formas de aliviar os desconfortos visuais causados pela doença.

Mas mesmo seguindo essas recomendações, não esqueça de sempre ter o hábito de visitar periodicamente seu oftalmologista para consultas de rotina

Ceratocone: o que é e como tratar
Média 5 de 2 votos



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lenscope

Nós utilizamos a tecnologia a nosso favor e oferecemos uma experiência inovadora para você comprar as lentes para seus óculos sem sair de casa! E o melhor de tudo? Podendo ter as melhores lentes do mercado sem gastar uma fortuna para isso.

Pin It on Pinterest