Refração ocular: o que é, como é feito o exame de refração e indicações

Refração ocular: o que é, como é feito o exame de refração e indicações

5
(1)

Para determinar o quanto alguém pode enxergar e o grau de correção para os principais problemas de visão que afetam a retina, é preciso fazer o exame de refração. Então, para entender melhor, nos acompanhe nessa leitura e descubra como esse exame é feito. Além disso, explicaremos quem deve fazer esse tipo de exame e quais problemas oculares ele pode detectar. Continue a leitura para saber tudo.

Entendendo refração ocular

A refração ocular é o cálculo do poder de visão dos olhos. Para podermos enxergar nitidamente e com clareza, as imagens devem se formar exatamente na nossa retina. Funciona assim: um feixe de luz atravessa o nosso globo ocular, chegando até a retina para a formação da imagem. Dessa forma, o erro refrativo acontece justamente quando o formato do olho impede que esse feixe de luz se concentre diretamente na retina.

Dessa forma, é o teste de visão, também conhecido como exame de refração ocular, que detecta esse defeito na visão e que mostra qual grau deverá ser usado para realizar a correção.

Principais erros de refração ocular

  • Miopia:

Um dos problemas mais comuns, a miopia é responsável pela dificuldade em enxergar de longe. E isso acontece devido ao formato do olho, que nos míopes é mais longo do que deveria ser, enquanto quem enxerga bem tem o olho mais arredondado. Dessa forma, a luz é focada e absorvida antes de chegar na retina.

  • Hipermetropia:

Quem tem esse problema de visão enxerga embaçado objetos que estão  perto. Nesse caso, imagem que deveria se formar na retina se forma atrás dela por causa do formato do globo ocular. Isso acontece porque o formato do olho com hipermetropia é mais achatado. Dessa forma, a imagem se forma atrás da retina quando o correto seria se formar na própria retina.

  • Astigmatismo:

Dificuldade de enxergar tanto de perto quanto de longe por causa do formato irregular da córnea que o  olho apresenta (formato oval). Também enxergam embaçadamente. Esse erro de refração distorce a luz quando entra nos olhos e dessa forma, múltiplos pontos focais são formados. O normal seria que houvesse apenas um ponto de foco na retina do olho.

  • Presbiopia:

Também conhecida como vista cansada, é um problema de visão que faz parte do processo de envelhecimento natural dos olhos. Nesse sentido, ela atinge a maioria da população e os primeiros sintomas começam a surgir a partir dos 40 anos. Ao envelhecermos, acontece um desgaste natural dos nossos olhos e nesse processo ocorre a perda de elasticidade do cristalino. Com isso, a pessoa não consegue enxergar com nitidez os objetos próximos.

Como identificar erros de refração pela receita de óculos

Nesse sentido, todos esses problemas de visão — já citados — podem ser identificados após o exame de refração, pela  receita de óculos, prescrita pelo oftalmologista, das seguintes formas:

  • Miopia: na receita oftalmológica, a miopia é representada pelo símbolo negativo (-) no campo esférico. Portanto, se o campo estiver preenchido acompanhado de negativo, você tem miopia.
  • Hipermetropia: é representada pelo símbolo positivo (+). Então, com esférico preenchido e acompanhado de sinal positivo, você tem hipermetropia.
  • Astigmatismo: é representado no campo cilíndrico e pode vir acompanhado ou não do sinal negativo. Assim, ao ter astigmatismo, o campo Eixo da receita (que reapresenta à orientação do astigmatismo no olho) também é preenchido.
  • Presbiopia: é representada no campo Esférico na distância para PERTO. Mas, a representação da presbiopia pode aparecer também com uma Adição ou ADD na receita. Nesse caso, o valor descrito pelo médico deve ser somado ao grau esférico para  LONGE da receita.

Exame de refração ocular: tudo que você precisa saber

O exame de refração faz parte dos exames de rotina e, como já dito, também é popularmente conhecido como “exame de vista”. Ele serve para identificar e diagnosticar  erros de refração, assim como a necessidade de correção e o grau necessário para corrigir os problemas de visão com óculos ou lentes de contato.

Além de identificar se você tem miopia, astigmatismo, hipermetropia ou presbiopia, o exame de refração também pode auxiliar no diagnóstico de outras doenças oculares, como degeneração macular, descolamento de retina, por exemplo, entre outras.

Exame de refração também serve para o acompanhamento dos problemas de visão já detectados, para gerenciamento do grau. Portanto, é essencial fazer check-ups anuais com o oftalmologista. Também é necessário se atentar aos sinais que indicam a necessidade de marcar uma consulta oftalmológica. Se tiver alguns dos sintomas abaixo, marque uma consulta:

  • Visão dupla.
  • Visão turva.
  • Enxergar brilho ou halo ao redor de luzes brilhantes.
  • Apertar os olhos.
  • Dores de cabeça.
  • Tensão ocular (quando os olhos estão cansados ​​ou doloridos)
  • Problemas de foco ao ler ou ao usar um computador.

Que tal testar como está a sua visão sem sair de casa? Como nosso Teste de Visão Online, você pode verificar se o seu grau aumentou ou se tem miopia ou astigmatismo.

Como o exame de refração ocular é feito?

O exame de refração, ou Teste de Snellen, é feito pelo médico, que pode ser o optometrista ou oftalmologista, para avaliar o quanto você enxerga e quais erros de refração pode ter, a partir de uma sequência de letras posicionadas em distâncias diferentes. O médico coloca uma luz nos seus olhos para avaliar como ela se curva, à medida que se move através da córnea e da lente do seu olho. Depois, você é colocado numa cadeira com um aparelho chamado auto refrator, para verificar sua visão a alguns metros de distância.

De quanto em quanto tempo preciso fazer exame de refração?

Quem não tem nenhum problema ocular diagnosticado, deve fazer exames oftalmológicos completos a cada 3 ou 5 anos. Mas qualquer problema que surgir, como piora da visão, como embaçamento ou outras alterações, é necessário visitar o oftalmologista.  Enquanto se você usa óculos ou lentes de contato, deve fazer um teste de refração a cada um, preferencialmente,  ou dois anos.

Já as crianças devem fazer um teste de refração a cada um ou dois anos, a partir dos três anos. Quem  tem diabetes, deve fazer um exame oftalmológico todos os anos, pois algumas condições oculares estão associadas ao diabetes, como retinopatia diabética e glaucoma. Para quem tem mais de 40 anos (ou para pessoas com histórico familiar de glaucoma), os exames oftalmológicos devem ser agendados pelo menos uma vez por ano para testar o glaucoma. 

Além disso, quem tem mais de 60 anos ou histórico familiar de glaucoma (quando a pressão se acumula no olho, danificando a retina e o nervo óptico), também deve fazer um teste de refração todos os anos. Exames regulares ajudarão seu oftalmologista a rastrear glaucoma e outras condições oculares associadas ao envelhecimento e, se possível, tratá-las precocemente.

As lentes mais finas e com melhor custo-benefício para o seu grau

Problemas de refração muitas vezes se fazem presentes no dia a dia ou aparecem discretamente, então é necessário  monitorar a visão indo frequentemente ao oftalmologista. Assim, quando algum problema de visão for detectado, você já segue o tratamento necessário.

Muitos problemas de visão são facilmente tratados com o uso de óculos ou lentes de contato. Portanto, ao sair do exame com a receita atualizada em mãos é hora de procurar por lentes de qualidade, mais finas para o seu grau e com o melhor custo-benefício.

Nós da Lenscope trabalhamos com lentes mais finas para todas as necessidades, que já incluem os tratamentos essenciais, e podem ser adquiridas sem sair de casa. Conheça as nossas lentes mais finas:

  • Lentes para até 4 graus: Lentes Lenscope Poli 1.59. Disponível nas versões: Incolor, Fotocroma e Shades. Lentes Lenscope Digital Comfort, nossa lente de resina 1.60 com filtro de luz azul.
  • Lentes para mais de 4 graus: as lentes de resina mais finas do mundo, as Lentes Tokai 1.76 vendidas, exclusivamente, pela internet, pelo nosso site. Disponível nas versões: Incolor, Shades, Transitions, Digital Comfort e Resonas.
  • Lentes multifocais: na Lenscope você encontra lentes progressivas (multifocais) personalizadas e 100% digitais, que contam com o exclusivo tratamento Quartz da Lenscope.

E o melhor é que é bem simples para adquirir: você precisa apenas enviar a armação da sua escolha para nós, que montamos as lentes e enviamos o óculos pronto. E para você ver como é fácil e cabe no seu bolso, faça um orçamento sem compromisso no nosso site, assim você já conhece o nosso serviço inovador de troca de lentes sem sair de casa.

ótica delivery - orçamento

Fontes:

Mount Sinai

Healthline

Healthline

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lenscope

Somos uma Health Tech que faz uso do que há de mais moderno na tecnologia para transformar a jornada de compra de lentes para óculos no Brasil. Com nosso serviço 100% online, você faz as lentes do seu óculos de grau pela internet, sem precisar sair de casa.

E, para nos ajudar a continuar desenvolver tecnologias exclusivas no Brasil e no Mundo, fomos selecionados para o programa Creative Startups da Samsung, além de fazer parte do Eretz.bio, incubadora de startups do Hospital Israelita Albert Einstein, considerado um dos melhores hospitais da América Latina. Também fazemos parte da Supera, incubadora da Universidade de São Paulo (USP/FM-RP) e do Cubo Itaú, um dos principais ecossistemas de startups do Brasil.

Conte com a gente para ver e se sentir bem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.