teste do olhinho

Teste do olhinho: entenda porque esse exame é tão importante para a saúde visual dos bebês

0
(0)

Antes de mais nada, o teste do olhinho é um exame feito em bebês. É realizado dentro da maternidade. Assim, é capaz de identificar problemas de visão no bebê. Dessa forma, é capaz de detectar diferentes problemas de visão e até o câncer. 

Portanto, caso você esteja ainda na maternidade com o seu bebê, e o médico aponte uma luz nos olhos dele, não estranhe, esse é o teste do olhinho. Um exame fundamental para detectar problemas oculares no recém nascido. Ficou curioso pelo assunto? Então continue a leitura!

O que é o teste do olhinho?

Sobretudo, o teste do olhinho é obrigatório em todos os bebês, e é de extrema importância para identificar diferentes problemas oftalmológicos como por exemplo a catarata e até o câncer. O teste é extremamente simples. O médico apaga as luzes do ambiente, e em seguida aponta uma lanterna no olho do bebê.

Em seguida, o médico observa o reflexo de luz lá no fundo do olho do bebê. Caso tenha alterações de cores no reflexo de luz, ou diferença entre os dois globos oculares, a criança é encaminhada para o oftalmologista. Da mesma forma, o teste do olhinho consegue identificar outros problemas oculares como:

  • Hemorragias;
  • Glaucoma;
  • Estrabismo;
  • Infecções;
  • Trauma do parto;
  • Cegueira;
  • Catarata congênita;
  • Retinoblastoma (um tipo de câncer comum em crianças);
  • Graus de miopia ou hipermetropia.

Quando é necessário fazer o teste do olhinho?

Sobretudo, todos os recém nascidos devem fazer o teste do olhinho, principalmente antes de sair da maternidade. No entanto, o teste pode ser refeito caso os pais tenham desconfiança de problemas oculares. Todavia, não existe uma obrigatoriedade ou tempo exato de retorno.

Por outro lado existe a recomendação de que uma criança saudável volte a fazê-lo por volta dos 3 ou 4 anos, e novamente aos 6 ou 7 anos. A recomendação para crianças que já nasceram com alergias ou problemas oculares, como por exemplo, o estrabismo, miopia, catarata, entre outros, definitivamente precisam de acompanhamento do oftalmologista.

A importância do teste do olhinho para evitar doenças oculares em bebês

A princípio, problemas oculares já vem desde o nascimento do bebê. Por isso, a importância de realizar o teste. Portanto, quanto mais cedo doenças oculares forem detectadas em recém nascidos, mais fácil será o tratamento. Confira a seguir quais problemas oculares são comuns em bebês recém nascidos:

  • Glaucoma infantil

Antes de tudo, o glaucoma infantil é uma lesão no nervo ligado aos olhos e cérebro. Assim, ocorre quando existe muita pressão do humor aquoso (líquido que preenche a câmara posterior e anterior dos olhos e também nutre a córnea e o cristalino). Todavia, esse é um problema ocular raro. Entretanto, pode aparecer desde o nascimento. 

Da mesma forma existe o glaucoma secundário, que ocorre por causas como o diabetes, após uma cirurgia ocular, uso excessivo de corticoides ou trauma ocular. Os principais sinais do glaucoma infantil são a sensibilidade à luz, olhos embaçados ou lacrimejantes, bem como o aumento dos olhos. 

  • Catarata congênita

A catarata é uma má formação do cristalino dos olhos, onde é desenvolvido durante a gravidez. Portanto, o bebê já nasce com a alteração, que é uma película de cor esbranquiçada dentro dos olhos. Contudo, essa alteração pode ocorrer em apenas um ou nos dois olhos.

  • Retinoblastoma

Esse é um tipo de câncer que a princípio é mais comum em crianças, sendo um tumor maligno originário das células da retina, parte responsável pelos olhos pela visão.

  • Estrabismo infantil

O estrabismo infantil é um desequilíbrio dos músculos oculares que causa o desalinhamento dos eixos visuais. Entretanto, existem possíveis causas e tipos de estrabismo como por exemplo o convergente, que é o mais comum, onde há um desvio de um dos olhos para dentro em direção ao nariz. O segundo é o divergente, onde há um desvio de um dos olhos para fora e o estrabismo vertical, ou seja, o olho fica mais alto ou mais baixo em comparação com o outro. 

Teste do olhinho pelo SUS: como fazer?

Até o presente momento não existe uma lei que garanta o teste do olhinho em toda a rede pública de hospitais, no entanto, em alguns estados existem leis que garantem o exame após o nascimento do bebê. São eles:

  • Brasília;
  • Bahia;
  • Mato Grosso e Mato Grosso do Sul
  • Paraná;
  • Rio de Janeiro;
  • Pernambuco;
  • Rio Grande do Norte;
  • Rio Grande do Sul;
  • Santa Catarina e São Paulo.

A princípio, o sistema único de Saúde, o SUS, garante a realização do exame para todos os municípios que participam da Rede Cegonha, lançada em 2011 pelo Governo Federal.

Assim, o programa garante saúde e qualidade de vida durante a gestação e no pós-parto, oferecendo auxílio ao desenvolvimento da criança até seus dois primeiros anos de vida para mulheres que dependem do SUS. Por isso, se você é dependente do SUS, e ainda assim não realizou esse teste, procure o posto de saúde do seu município e veja em qual hospital da rede pública você pode fazê-lo.

Atente-se aos sinais de que os olhos do bebê precisam ser examinados

De antemão, a visão dos bebês  não é totalmente formada em seus primeiros meses de vida. Entretanto, existem sinais e características que podem indicar se o seu bebê tem algum problema ocular ou não. Por isso, separamos alguns sinais que você pode observar se o seu filho tem, e posteriormente se você se identificar com algum, procure imediatamente o oftalmologista:

  • Sensibilidade a luz;
  • Lacrimejamento constante;
  • Perda de brilho nos olhos;
  • Estrabismo;
  • Inchaços nas pálpebras;
  • Tremores involuntários;
  • Falta de interesse nos movimentos e presença de pessoas próximas a ele.

Economize na compra de óculos para os pequenos

Agora que você aprendeu a identificar alguns sinais dos problemas oculares, se você se identificou com algum deles, não hesite em visitar um oftalmologista. Portanto, fique atento aos sinais com relação à saúde ocular das crianças, e diga pra gente nos comentários se você está em dia com os cuidados dos olhos de seus filhos. 

Nós da Lenscope temos a missão de garantir acesso a compra de óculos para todos, de forma acessível e com lentes de qualidade. É possível sim economizar nas lentes de óculos infantis conosco! Faça um orçamento online e descubra o quanto você pode economizar ao comprar os óculos dos seus filhos conosco, já com todos tratamentos necessários inclusos, em nosso site da Lenscope.

Somos uma health tech que usa tecnologia e inovação para democratizar o acesso à lentes de óculos com ótima qualidade e custo acessível. E, se gostou do nosso conteúdo, assine nossa newsletter e mantenha-se informado.

teste do olhinho - orcamento

Fontes:

Abril

Câmara

Instituto Assad Rayes

Tua Saúde

Clínica da Cidade 

Guia do bebê

Juntos pela visão infantil

Cleveland Clinic

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lenscope

Somos uma Health Tech que faz uso do que há de mais moderno na tecnologia para transformar a jornada de compra de lentes para óculos no Brasil. Com nosso serviço 100% online, você faz as lentes do seu óculos de grau pela internet, sem precisar sair de casa.

E, para nos ajudar a continuar desenvolver tecnologias exclusivas no Brasil e no Mundo, fomos selecionados para o programa Creative Startups da Samsung, além de fazer parte do Eretz.bio, incubadora de startups do Hospital Israelita Albert Einstein, considerado um dos melhores hospitais da América Latina. Também fazemos parte da Supera, incubadora da Universidade de São Paulo (USP/FM-RP) e do Cubo Itaú, um dos principais ecossistemas de startups do Brasil.

Conte com a gente para ver e se sentir bem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *